Mais Lidas

  1. Processos contra Lula na Lava Jato chegam a Moro

    Brasil

    Processos contra Lula na Lava Jato chegam a Moro

  2. Derrota no 'Power Couple' faz Simony perder a linha

    Entretenimento

    Derrota no 'Power Couple' faz Simony perder a linha

  3. Justiça autoriza Dilma a usar aviões da FAB, desde que reembolse o Tesouro

    Brasil

    Justiça autoriza Dilma a usar aviões da FAB, desde que reembolse o...

  4. A peixaria de R$ 21 milhões usada na compra do jatinho de Campos

    Brasil

    A peixaria de R$ 21 milhões usada na compra do jatinho de Campos

  5. Entenda a diferença entre Inglaterra, Grã-Bretanha e Reino Unido

    Mundo

    Entenda a diferença entre Inglaterra, Grã-Bretanha e Reino Unido

  6. Laura Keller provoca Simony, a 'surtada', pelo Instagram

    Entretenimento

    Laura Keller provoca Simony, a 'surtada', pelo Instagram

  7. O Reino Unido está fora da União Europeia. E agora?

    Mundo

    O Reino Unido está fora da União Europeia. E agora?

  8. Boris Johnson, o grande vencedor do Brexit, quer o emprego de Cameron

    Mundo

    Boris Johnson, o grande vencedor do Brexit, quer o emprego de Cameron

Suárez se envolve em confusão após clássico tenso em Barcelona

Barça venceu o Espanyol por 4 a 1 com show de Messi, mas os destaques foram para as brigas e provocações entre os atletas no Camp Nou

- Atualizado em

Dérbi da Catalunha foi repleto de confusões entre os jogadores de Barcelona e Espanyol
Dérbi da Catalunha foi repleto de confusões entre os jogadores de Barcelona e Espanyol(David Ramos/Getty Images)

O dérbi catalão entre Barcelona e Espanyol desta quarta-feira foi ainda mais tenso que o do último sábado, marcado pelas ofensas racistas contra Neymar. Desta vez, a partida foi válida pela ida das oitavas de final da Copa do Rei, e o Barcelona conseguiu demonstrar sua superioridade: vitória por 4 a 1, com show de Lionel Messi e um bonito gol de Neymar. Mas além das boas jogadas dos craques do Barça, o que se viu no Camp Nou foi um clima de intensa rivalidade, com expulsões, provocações e entradas duras. No fim da partida, o uruguaio Luis Suárez protagonizou mais uma das confusões de sua carreira ao chamar os atletas do Espanyol para a briga.

Leia também:

Neymar, sobre ofensas racistas: 'Não escuto, apenas jogo futebol'

Messi humilha Mascherano em treino e ri com reação do público

Liga espanhola analisará insultos contra Neymar; Espanyol nega racismo

Na entrada do túnel para os vestiários, Suárez esperou a chegada de jogadores rivais para provocá-los, segundo registrado na súmula pelo árbitro Martínez Munuera. "Venham, estou esperando. Vocês são uns refugos", teria dito o uruguaio e obtido como resposta um "vou te arrebentar", segundo jornais espanhóis que não conseguiram identificar qual atleta do Espanyol teria feito a ameaça. Houve um princípio de briga, mas os mais exaltados foram contidos pelos companheiros.

Antes de deixar o campo, o sempre provocador Gerard Piqué já havia tripudiado sobre os rivais, que tem bem menos torcida que o Barcelona. "Como eles mesmo dizem, são uma minoria maravilhosa. Espero que pelo menos encham o estádio no jogo de volta." O senegalês Pape Diop, expulso na partida, negou que o Espanyol seja uma equipe violenta. "Não podem dizer isso, não se viu sangue. Se quiséssemos, eles teriam saído de maca", atacou, em entrevista à Cadena Ser.

Além de Diop, o paraguaio Hernán Pérez também foi expulso por entrada violenta. O lance mais duro, porém, foi um pisão do goleiro Pau Lopez em Messi, autor de dois belos gols e duas assistências, uma para Neymar e outra para Piqué. Atletas do Espanyol ainda reclamaram de uma "campanha" a favor do Barcelona por parte da imprensa local.

O técnico Luis Enrique tentou colocar panos quentes e culpou o árbitro pelo excesso de confusões em campo. "Não somos nós treinadores, nem os jogadores, quem impõe os limites. Os responsáveis por isso são os árbitros, que se encarregam de fazer com que o jogo seja futebol e não futebol americano. Houve tensão. Eu gostaria que houvesse apenas bola rolando, menos interrupções e sem lesões", declarou. O jogo de volta acontece na próxima quarta-feira, no estádio Cornellà-El Prat, tradicional território hostil para o Barcelona.

(Da redação)

TAGs:
Futebol Europeu
FC Barcelona
Lionel Messi