VEJA

Copa do Mundo Brasil 2014

18 de Outubro de 2012

Copa das Confederações

Fifa dá prazo para definir sedes de 2013: 8 de novembro

Recife corre risco de exclusão do torneio, ensaio geral para 2014. Reunião no Riocentro (nova sede do COL) define outros detalhes das duas competições

Encontro no Riocentro: Bebeto, Walter de Gregorio, da Fifa, o presidente da CBF e do COL, José Maria Marin, e o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, nesta quinta-feira

Encontro no Riocentro: Bebeto, Walter de Gregorio, da Fifa, o presidente da CBF e do COL, José Maria Marin, e o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, nesta quinta-feira (Sergio Moraes/Reuters)

Além da confirmação das sedes, será anunciada em 8 de novembro a venda de ingressos para a Copa das Confederações. A Fifa anunciou ainda que sua sede em 2014 será o Forte de Copacabana

As cidades-sede da Copa das Confederações serão conhecidas em 8 de novembro, anunciou a Fifa nesta quinta-feira, no Rio de Janeiro. A grande dúvida é sobre o uso da Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata, na região metropolitana do Recife. Isso porque as obras estão atrasadas - 64% de conclusão, de acordo com o governo estadual - e teme-se que o estádio não fique pronto a tempo de a entidade testar o palco das partidas antes do torneio, que será realizado entre 15 e 30 de junho de 2013 e é considerado o ensaio-geral para a Copa do Mundo de 2014. A Fonte Nova, em Salvador, também depende de confirmação da Fifa, mas a tendência é de que seja incluída. As outras quatro sedes serão Rio (Maracanã), Fortaleza (Castelão), Brasília (Mané Garrinha) e Belo Horizonte (Mineirão).

Na terça, o secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, manifestou ceticismo em relação à conclusão da obra a tempo. Mesmo não citando nenhuma cidade específica, o recado de Valcke foi claro: "No momento, ainda não temos seis sedes para a Copa das Confederações". A Fifa já tem simulações de tabelas para jogos em cinco e até mesmo quatro cidades. O governador de Pernambuco, Eduardo Campos, e o presidente da CBF, José Maria Marin, têm dito que a arena estará na Copa das Confederações, pois será entregue em fevereiro do próximo ano, mesmo mês previsto para a conclusão do Maracanã. O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, defendeu a mesma posição na entrevista coletiva concedida nesta quinta no Riocentro, no Rio, com representantes da Fifa e do Comitê Organizador Local (COL) da Copa.

Leia também:
Governo anuncia primeiro cancelamento de obra prometida para 2014
Fifa acha que a Copa finalmente entrou nos trilhos. Mas a que preço?
Para o torcedor, Brasil-2014 deverá ser a 'Copa do Mundo da corrupção'
Nos símbolos do Mundial no Brasil, a falta de ambição para Copa-2014

Ritmo - Aldo Rebelo se disse confiante, embora reconheça que a decisão sobre Recife não está em suas mãos. "A decisão só sai em 8 de novembro, e até lá trabalharemos com a hipótese dos seis estádios. Quando digo 'nós', me refiro ao governo federal, mas esta é uma decisão da Fifa" disse o ministro. "As obras na Arena Pernambuco estão hoje no ritmo mais acelerado entre todos os doze estádios que vão receber a Copa do Mundo. Mantendo o ritmo, estatisticamente é possível que o estádio esteja pronto até a Copa das Confederações." Esperava-se a participação de Valcke na entrevista coletiva para que o secretário-geral pudesse dar sinais mais claros sobre a posição da Fifa. O dirigente, porém, não participou da reunião e da entrevista coletiva - está internado desde a noite de quarta no Hospital Samaritano, no Rio.

Jefferson Bernardes/AFP

Valcke na quarta, em visita ao Beira-Rio: internado

Valcke na quarta, em visita ao Beira-Rio: internado

Valcke sofreu uma infecção renal e não tem previsão de alta. A Fifa informa que ele passa bem e que ficará no local, por precaução, por dois ou três dias. Na ausência de Valcke, o diretor de comunicação da Fifa, Walter de Gregorio, comentou a situação de Recife. "Dê-nos tempo até 8 de novembro. O que o ministro disse é verdade: estatisticamente, há tempo." O diretor, no entanto, ressaltou que os estádios devem ficar prontos não só para a competição, mas para os eventos teste, pouco antes. Marin informou ter recebido na quarta-feira uma carta do governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), garantindo a inauguração do estádio em 14 de abril de 2013. "Dois meses antes da competição, portanto", disse o cartola. "Acho que nós não vamos duvidar das palavras e da assinatura de um governador."

Sedes - Além da confirmação das sedes, será anunciado em 8 de novembro todo o mapeamento de ingressos para a Copa das Confederações, com preços e locais de compra. A venda dos bilhetes começa em 3 de dezembro. Dois dias antes, em 1º de dezembro, será realizado o sorteio dos grupos da Copa das Confederações, no Anhembi, em São Paulo. A reunião desta quinta definiu detalhes sobre a cerimônia. A apresentadora Glenda Kozlowski, da TV Globo, será a mestre de cerimônias do evento. As atrações musicais serão Arlindo Cruz, Maria Gadú e os Meninos do Morumbi. O encontro dos integrantes do COL e representantes da Fifa aconteceu no Riocentro, nova sede do comitê local. Também nesta quinta, a Fifa confirmou que seu escritório central durante a Copa do Mundo será instalado no Forte de Copacabana, também no Rio.

Leia também: 
Maracanã: na segunda, Rio abre concorrência 'para valer'
Itaquerão: Corinthians tenta impedir a paralisação da obra
Mineirão: 'É bom ver um estádio quase pronto', diz Valcke
Beira-Rio: Valcke agora elogia até obra que começou depois

(Com Agência Estado)