Mais Lidas

  1. Gorila é morto após menino cair em jaula de zoológico nos EUA

    Mundo

    Gorila é morto após menino cair em jaula de zoológico nos EUA

  2. Sonia Abrão abandona programa após ouvir choro

    Entretenimento

    Sonia Abrão abandona programa após ouvir choro

  3. Ana Hickmann S/A: um sucesso construído a dois

    Entretenimento

    Ana Hickmann S/A: um sucesso construído a dois

  4. "Quando encontrar meu corpo, avise meu marido e minha filha"

    Mundo

    "Quando encontrar meu corpo, avise meu marido e minha filha"

  5. Janaina Paschoal: rotina de isolamento pós-impeachment

    Brasil

    Janaina Paschoal: rotina de isolamento pós-impeachment

  6. Veja fotos da casa onde adolescente foi estuprada no Rio

    Brasil

    Veja fotos da casa onde adolescente foi estuprada no Rio

  7. Lufthansa anuncia suspensão de voos à Venezuela

    Economia

    Lufthansa anuncia suspensão de voos à Venezuela

  8. Para Lula, eleição de Dilma foi seu erro mais grave, revela novo áudio

    Brasil

    Para Lula, eleição de Dilma foi seu erro mais grave, revela novo áudio

Anderson sobre a luta contra Belfort: "Vai ser engraçado"

Na entrevista desta quarta em Las Vegas, Anderson Silva mostrou confiança. Belfort está tranquilo

- Atualizado em

Anderson Silva e Vitor Belfort na entrevista coletiva
Anderson Silva e Vitor Belfort na entrevista coletiva(Reprodução/VEJA)
O show já começou em Las Vegas. E quem comandou o palco nesta quarta-feira foi o atual campeão dos médios, Anderson Silva. Esbanjando confiança e com ar um tanto blasé, usando óculos escuros na sala de entrevista coletiva do UFC 126, o Aranha - apelido de Anderson - disse que o encontro no octógono com Vitor Belfort, na madrugada de domingo, "vai ser engraçado". Em seguida caprichou na resposta: "Luta do século? Não, é apenas mais uma luta. A do século mesmo seria eu contra meu clone." Vitor Belfort foi mais comedido e não se furtou a fazer alguns poucos elogios a Anderson. Entrou no clima e disse que sábado (em Los Angeles) será um dia especial. "Vou tentar me divertir. O cinturão é uma conquista, ninguém consegue da noite para o dia." Não são amigos íntimos, não são inimigos, mas Anderson encarnou mais a parte pirotécnica da entrevista com todos os participantes do evento. Na hora da foto final, aquela em que os lutadores fazem uma pose com os braços em posição de boxe, Anderson encheu o pulmão e quase colou o rosto no do adversário: olhou fixo para os olhos de Belfort, alguns centímetros mais baixo. Nada violento, mas com uma grande carga de intimidação.
Anderson Silva e Vitor Belfort na entrevista coletiva: clima até de brincadeira
Anderson Silva, antes da luta contra Vitor Belfort: poucas palavras e óculos escuros(Reprodução/VEJA)
TAGs:
Anderson Silva
UFC
Vitor Belfort