- Atualizado em

  • Voltar ao início

  • Todas as imagens da galeria:


Sem Charlie Sheen por perto, Jon Cryer, o Alan Harper de Two and a Half Men, finalmente apareceu e cresceu. O ator levou o Emmy de melhor ator de série de comédia, após sete indicações pelo mesmo personagem. Em 2009, Cryer levou a estatueta de melhor ator coadjuvante, já que Sheen ainda protagonizava a série, antes de ter sido demitido por brigar com o produtor executivo.

CONFIRA troféu a troféu o Emmy 2012 pelos comentários de VEJA

O resultado causou protesto nas redes sociais, porque Cryer competiu com Jim Parsons, o carismático Sheldon de The Big Bang Theory, apontado como favorito na categoria. Além do prêmio, Parsons perdeu a chance de igualar o recorde de Michael J. Fox, o único ator a levar o prêmio de melhor ator de comédia por três anos consecutivos, como Alex P. Keaton de Family Ties (Caras e Caretas, 1982-1989).

TAGs:
Emmy
Séries
Two And a Half Men