Mais Lidas

  1. Morte no Everest: 'Você se importa se eu continuar?'

    Mundo

    Morte no Everest: 'Você se importa se eu continuar?'

  2. Janaina Paschoal: rotina de isolamento pós-impeachment

    Brasil

    Janaina Paschoal: rotina de isolamento pós-impeachment

  3. Bumlai diz que fez empréstimo fraudulento para PT por medo de invasão de terras

    Brasil

    Bumlai diz que fez empréstimo fraudulento para PT por medo de...

  4. Lula pede ao STF acesso à delação de Pedro Corrêa

    Brasil

    Lula pede ao STF acesso à delação de Pedro Corrêa

  5. Ministério Público aponta R$ 2,5 bilhões em fraudes no Bolsa Família

    Economia

    Ministério Público aponta R$ 2,5 bilhões em fraudes no Bolsa Família

  6. Sônia Abrão pede desculpas por sair correndo do programa

    Entretenimento

    Sônia Abrão pede desculpas por sair correndo do programa

  7. Lewandowski interferiu em processo para ajudar o PT e a presidente Dilma

    Brasil

    Lewandowski interferiu em processo para ajudar o PT e a presidente...

  8. Brasil tem 'pior governo do mundo', segundo relatório de competitividade

    Economia

    Brasil tem 'pior governo do mundo', segundo relatório de...

Sem a sombra de Charlie Sheen, Jon Cryer triunfa no Emmy

O intérprete de Alan Harper em 'Two and a Half Men' levou a estatueta de melhor ator em série de comédia e bateu o favorito Jim Parsons de 'Big Bang Theory'

- Atualizado em

  • Voltar ao início

  • Todas as imagens da galeria:


Sem Charlie Sheen por perto, Jon Cryer, o Alan Harper de Two and a Half Men, finalmente apareceu e cresceu. O ator levou o Emmy de melhor ator de série de comédia, após sete indicações pelo mesmo personagem. Em 2009, Cryer levou a estatueta de melhor ator coadjuvante, já que Sheen ainda protagonizava a série, antes de ter sido demitido por brigar com o produtor executivo.

CONFIRA troféu a troféu o Emmy 2012 pelos comentários de VEJA

O resultado causou protesto nas redes sociais, porque Cryer competiu com Jim Parsons, o carismático Sheldon de The Big Bang Theory, apontado como favorito na categoria. Além do prêmio, Parsons perdeu a chance de igualar o recorde de Michael J. Fox, o único ator a levar o prêmio de melhor ator de comédia por três anos consecutivos, como Alex P. Keaton de Family Ties (Caras e Caretas, 1982-1989).

TAGs:
Emmy
Séries
Two And a Half Men