- Atualizado em

A cantora Adele, indicada ao Grammy 2012
A cantora Adele, indicada ao Grammy 2012(Jason Merritt/Getty Images/VEJA)

Uma nova biografia de Adele que será lançada na Grã-Bretanha no mês que vem revela que o sofrimento da cantora ia muito além de escrever músicas depressivas. Segundo o tabloide britânico The Sun, Adele costumava ficar tão bêbada antes de seus shows que mal se lembrava das letras de suas músicas.

Segundo o autor do livro Adele: The Biography, o biógrafo Marc Shapiro, Adele bebia para tentar se esquecer dos homens que a trataram mal. De acordo com ele, a primeira decepção amorosa da cantora foi quando um namorado bissexual a traiu com um homem. Anteriormente, o autor já escreveu biografias de Justin Bieber e da escritora JK Rowling, criadora de Harry Potter.

No começo deste ano, a cantora disse em entrevista à revista inglesa Q que bebeu para escrever todas as músicas de seu disco mais bem sucedido, 21, que ficou pela 24ª vez no topo da Billboard na semana passada. Adele não é a única de sua família a ter problemas com o álcool. Seu pai, Mark Evans, também é alcoolatra em recuperação.

TAGs:
Adele
Música Pop