Mais Lidas

  1. Justiça de SP envia a Moro pedido de prisão de Lula

    Brasil

    Justiça de SP envia a Moro pedido de prisão de Lula

  2. Barraco na comissão do impeachment: 'Vamos falar lá fora, seu m...'

    Brasil

    Barraco na comissão do impeachment: 'Vamos falar lá fora, seu m...'

  3. Sasha Meneghel vai fazer faculdade nos Estados Unidos

    Entretenimento

    Sasha Meneghel vai fazer faculdade nos Estados Unidos

  4. Justiça bloqueia bens do senador Lindbergh Farias

    Brasil

    Justiça bloqueia bens do senador Lindbergh Farias

  5. Ursinho, fraldas e um chocalho de ouro: confira a lista de presentes da princesa Charlotte

    Mundo

    Ursinho, fraldas e um chocalho de ouro: confira a lista de...

  6. Desinteresse por sexo: isso é mais comum do que se imagina

    Saúde

    Desinteresse por sexo: isso é mais comum do que se imagina

  7. Brasil foi vítima de estelionato eleitoral, diz procurador do TCU

    Brasil

    Brasil foi vítima de estelionato eleitoral, diz procurador do TCU

  8. Cantora Rosanah leva choque e desmaia durante show em MG

    Entretenimento

    Cantora Rosanah leva choque e desmaia durante show em MG

'Pais devem aceitar um fato: as crianças vão sofrer', dizem especialistas

Confira orientações apresentadas pela psicanalista Magdalena Ramos e pela psicopedagoga Vera Barreira durante evento do projeto Educar para Crescer

Por: Lecticia Maggi - Atualizado em

"Seu filho vai se frustrar e chorar, querendo você ou não", afirma a psicanalista Magdalena Ramos
"Seu filho vai se frustrar e chorar, querendo você ou não", afirma a psicanalista Magdalena Ramos(Thinkstock/VEJA)

O projeto Educar para Crescer - iniciativa do Grupo Abril, ao qual está ligada a Editora Abril, que publica VEJA - promoveu um debate nesta terça-feira, em São Paulo, sobre o papel dos pais no processo de formação de seus filhos. Para isso, convidou a psicanalista Magdalena Ramos, responsável pelo núcleo de família do Instituto Sedes Sapentiae, e a psicopedagoga Vera Barreira, orientadora pedagógica da Escola da Vila. Do encontro, saiu uma importante constatação: os pais estão excessivamente preocupados com a felicidade de seus filhos e, por isso, têm dificuldades para impor limites e dizer "não" a eles. "É um grande equívoco achar que, dando tudo o que seu filho pede, você vai evitar que ele sofra ou se frustre. A falta de limites cria crianças mimadas, mandonas e com problemas de socialização", disse Magdalena. "Seu filho vai se frustrar e chorar, querendo você ou não. Por isso, aceite isso e imponha limites." Confira a seguir orientações das especialistas:

Seis orientações para a educação dos filhos

Leia também:

Escolas internacionais: por que Fuvest e Enem não são os alvos

'Third culture kids': a aventura das crianças globalizadas

TAGs:
Comportamento