Mais Lidas

  1. Gospel Ana Paula Valadão é criticada por foto no velório da avó

    Entretenimento

    Gospel Ana Paula Valadão é criticada por foto no velório da avó

  2. Zezé Di Camargo alfineta Wesley Safadão: 'Emergente'

    Entretenimento

    Zezé Di Camargo alfineta Wesley Safadão: 'Emergente'

  3. Delator de Paulo Bernardo intermediou negócio milionário após viagem oficial com Lula à África

    Brasil

    Delator de Paulo Bernardo intermediou negócio milionário após...

  4. Derrota no 'Power Couple' faz Simony perder a linha

    Entretenimento

    Derrota no 'Power Couple' faz Simony perder a linha

  5. Laura Keller provoca Simony, a 'surtada', pelo Instagram

    Entretenimento

    Laura Keller provoca Simony, a 'surtada', pelo Instagram

  6. Entenda a diferença entre Inglaterra, Grã-Bretanha e Reino Unido

    Mundo

    Entenda a diferença entre Inglaterra, Grã-Bretanha e Reino Unido

  7. A peixaria de R$ 21 milhões usada na compra do jatinho de Campos

    Brasil

    A peixaria de R$ 21 milhões usada na compra do jatinho de Campos

  8. Após foto em velório, Ana Paula Valadão diz que vai deixar redes sociais

    Entretenimento

    Após foto em velório, Ana Paula Valadão diz que vai deixar redes...

Demanda do consumidor por crédito cai 8,2%

Segundo a Serasa Experian, após o crescimento da inadimplência no ano passado, o consumidor deu prioridade ao pagamento de dívidas em janeiro

- Atualizado em

Oferta de crédito pessoal no centro de São Paulo
Desaceleração: queda na demanda por crédito foi maior entre os consumidores com renda mais baixa(Roberto Setton/VEJA)

A demanda do consumidor por crédito recuou 8,2% no primeiro mês de 2012 em relação a dezembro, informou a Serasa Experian nesta quinta-feira. Na comparação com janeiro do ano passado, o Indicador da Demanda do Consumidor por Crédito caiu 6,1%. De acordo com a empresa, os números mostram que, após crescimento da inadimplência no ano passado, o consumidor deu prioridade ao pagamento de dívidas, evitando contrair novas obrigações.

A queda na demanda por crédito foi maior entre os consumidores com renda mais baixa. Entre os que recebem até 500 reais mensais a queda ante dezembro foi de 9,1% e na faixa de renda entre 500 e 1.000 reais, o recuo foi de 9%. Na comparação com janeiro do ano passado, esses grupos apresentaram, respectivamente, alta de 4,3% e recuo de 7% na busca por crédito.

Nas outras faixas de renda também foi verificado, em janeiro ante dezembro, queda na procura por crédito: de 1.000 a 2.000 reais o recuo foi de 7,8%, de 2.000 a 5.000 reais a queda foi de 7,1%, de 5.000 a 10.000 reais a baixa foi de 6,4% e entre aqueles que recebem mais de 10.000 reais por mês a variação foi negativa em 5,8%.

Na comparação com janeiro do ano passado, houve queda de 7,6% para a faixa de renda entre 1.000 e 2.000 reais, de 7,9% entre 2.000 e 5.000 reais, de 7,1% entre 5.000 e 10.000 reais e alta de 1,5% entre os que recebem mais de 10.000 reais.

Na análise por regiões do país, o Sudeste apresentou a maior queda em janeiro ante dezembro (11%), seguido por Centro-Oeste (6,9%), Sul (6%), Norte (5,5%) e Nordeste (2,5%). Na comparação com janeiro de 2011, os recuos foram de 9,7% no Sul, 6,3% no Sudeste, 4,4% no Nordeste, 3,9% no Centro-Oeste e 0,5% no Norte.

(Com Agência Estado)