Mais Lidas

  1. Ex-ator mirim sobre pedofilia em Hollywood: ‘Fui molestado por várias pessoas’

    Entretenimento

    Ex-ator mirim sobre pedofilia em Hollywood: ‘Fui molestado por...

  2. Delação da Odebrecht 'vem como uma metralhadora ponto 100', diz Sarney em gravação

    Brasil

    Delação da Odebrecht 'vem como uma metralhadora ponto 100', diz...

  3. Fã que atacou Ana Hickmann ia fazer 'roleta russa', diz delegado

    Entretenimento

    Fã que atacou Ana Hickmann ia fazer 'roleta russa', diz delegado

  4. Janot defende legalidade de grampo entre Lula e Dilma

    Brasil

    Janot defende legalidade de grampo entre Lula e Dilma

  5. Sequestrador de Ana Hickmann foi ‘assassinado com crueldade e frieza’, diz irmã

    Entretenimento

    Sequestrador de Ana Hickmann foi ‘assassinado com crueldade e...

  6. Serra diz que Brasil é 'atacado' por causa do impeachment

    Brasil

    Serra diz que Brasil é 'atacado' por causa do impeachment

  7. Produtores de ‘Game of Thrones’ ficaram chocados com três revelações do autor

    Entretenimento

    Produtores de ‘Game of Thrones’ ficaram chocados com três...

  8. Ouça a conversa entre Ana Hickmann e fã que a atacou

    Entretenimento

    Ouça a conversa entre Ana Hickmann e fã que a atacou

Caixa confirma alta de juros imobiliários em 2015

Novas taxas valerão a partir do dia 19 deste mês. Financiamentos contratados com recursos do Minha Casa Minha Vida e do FGTS não sofrerão alterações

- Atualizado em

Fachada do banco Caixa Econômica Federal
Caixa anuncia nova taxas de juros de operações para financiamento de imóveis contratadas com recursos da poupança (Lia Lubambo/VEJA)

A Caixa Econômica Federal confirmou que vai subir as taxas de juros do financiamento imobiliário a partir do dia 19 deste mês. Durante a manhã, o banco havia informado, por meio da assessoria de imprensa, que estudava a elevação dos juros. Serão alteradas as taxas de juros das operações para financiamento de imóveis residenciais contratadas com recursos da poupança (SBPE). As novas condições passam a valer para créditos habitacionais concedidos a partir da próxima segunda-feira. A alteração, segundo o banco, se deve ao aumento das taxas de juros básicos, atualmente em 11,75%.

A instituição também informou que as taxas de juros dos financiamentos habitacionais contratados com recursos do Programa Minha Casa Minha Vida e do FGTS não sofrerão quaisquer correções em suas taxas de juros.

Tabela
JUROS - SFH aNTIGO NOVO
Taxa de balcão (não clientes) 9,15% 9,15%
Relacionamento (clientes) 8,75% 9%
Relacionamento + salário (cliente com conta salário) 8,25% 8,70%
Servidor (relacionamento) (cliente com conta) 8,60% 8,70%
Servidor(relacionamento + salário) (cliente com conta salário) 8% 8,50%

A taxa de juros cobrada pelo Sistema de Financiamento Habitacional (SFH), que financia imóveis até 750.000 reais, com recursos tanto do FGTS como da poupança, permanece em 9,15% para quem não é cliente do banco e subirá para 9% para quem é cliente, incluindo servidores públicos.

Já pelo Sistema de Financiamento Imobiliário (SFI), que financia imóveis com valor superior a 750.000 reais, a taxa de juros será de 11% para não clientes.

Tabela
JUROS - SFI aNTIGO NOVO
Taxa de balcão (não clientes) 9,20% 11%
Relacionamento (clientes) 9,10% 10,70%
Relacionamento + salário (cliente com conta salário) 9% 10,50%
Servidor (relacionamento) (cliente com conta) 9% 10,50%
Servidor (relacionamento + salário) (cliente com conta salário) 8,80% 10,20%

Com a elevação das taxas da Caixa, que domina 70% do mercado de crédito imobiliário no Brasil, é possível que outras instituições acabem aumentando também seus juros. O banco é reconhecido como o que oferece as melhores condições de financiamento para imóveis do mercado brasileiro e serve como um balizador para as demais instituições.

A alteração está em linha com os planos da nova equipe econômica de reduzir despesas cortando subsídios e aumentar receitas, possivelmente por meio de aumento de impostos.

TAGs:
Juros
Mercado Imobiliário
Caixa Econômica Federal