Carnaval 2014

Rio de Janeiro

Mangueira levanta a Sapucaí com uma 'paradona' da bateria

Escola encanta público com desfile, mas empolgação apenas não leva Carnaval

Andréa Dutra
Renata Santos, rainha de bateria da Mangueira, no Rio de Janeiro

Renata Santos, rainha de bateria da Mangueira, no Rio de Janeiro (Fotoarena)

A Mangueira é a mais querida do público, não resta a menor dúvida. Ainda na dispersão, o povo canta o samba, empolgado. O carioca adora falar: "a minha Mangueira", como fazia o saudoso cantor Jamelão. Já larga com essa vantagem, mas empolgação não ganha carnaval sozinha.

Depois da paradona da bateria Surdo Um, vai ser difícil, para qualquer escola, oferecer ainda alguma surpresa na Sapucaí. Resta saber se os jurados vão gostar de tanta inovação. Também já se sabe que a primeira paradinha da Mangueira foi provocada por uma falha técnica e, portanto, pode ser penalizada, embora sem nenhum prejuízo à evolução da escola.

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados