Estados Unidos

Filha de Hillary e Bill Clinton estreia como repórter de TV

Famosa pela timidez, ela disse que agora pretende se tornar 'mais pública'

Chelsea ao lado da mãe, Hillary Clinton

Chelsea ao lado da mãe, Hillary Clinton (Daniel Berehulak/ Getty Images/VEJA)

Conhecida pela timidez diante das câmeras, Chelsea Clinton, filha de Hillary e Bill Clinton, fez sua estreia na noite de segunda-feira como repórter de TV nos Estados Unidos. Aos 31 anos, ela exibiu sua primeira reportagem, sobre uma organização sem fins lucrativos dedicada a crianças pobres no estado do Arkansas, no programa Rock Center with Brian Williams, do canal NBC. 

Em seguida è exibição da reportagem, a filha da secretária de Estado americana e do ex-presidente dos EUA apareceu no estúdio e agradeceu a oportunidade. Ela explicou que, até o momento, deliberadamente manteve sua vida estritamente privada, mas explicou que se deixou convencer pela avó recentemente falecida a tornar-se uma pessoa mais pública. "Espero deixá-la orgulhosa", disse.

Chelsea entrevistou nette Dove, uma voluntária que trabalha com jovens pobres e considerados problemáticos da cidade de Pine Bluff. Em determinado momento, a filha do ex-presidente e Dove comentaram que ouviam tiros na vizinhança.

(Com agência France-Presse)

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados