Mais Lidas

  1. Lewandowski interferiu em processo para ajudar o PT e a presidente Dilma

    Brasil

    Lewandowski interferiu em processo para ajudar o PT e a presidente...

  2. Doença que causa feridas e desfigura o rosto das vítimas está se espalhando no Oriente Médio

    Mundo

    Doença que causa feridas e desfigura o rosto das vítimas está se...

  3. Brasileiro que desenhava para a DC é demitido após comentário sobre caso de estupro

    Entretenimento

    Brasileiro que desenhava para a DC é demitido após comentário sobre...

  4. Conselho do MP nega pedido de Lula para afastar procurador da Lava Jato

    Brasil

    Conselho do MP nega pedido de Lula para afastar procurador da Lava...

  5. Odebrecht assina pré-acordo de delação premiada

    Brasil

    Odebrecht assina pré-acordo de delação premiada

  6. Secretário-geral da OEA invoca cláusula democrática por crise na Venezuela

    Mundo

    Secretário-geral da OEA invoca cláusula democrática por crise na...

  7. Presidente do Bradesco é indiciado pela Polícia Federal

    Economia

    Presidente do Bradesco é indiciado pela Polícia Federal

  8. Morte no Everest: 'Você se importa se eu continuar?'

    Mundo

    Morte no Everest: 'Você se importa se eu continuar?'

Rodovia Fernão Dias tem 43 km de congestionamento

Na Rio-Santos o tráfego é intenso, mas sem pontos de engarrafamento; sistema Anchieta-Imigrantes tem trânsito livre nas duas principais rodovias

- Atualizado em

Trânsito intenso na Rodovia Castello Branco, na saída de São Paulo para o feriado de Páscoa
Trânsito fica mais carregado no fim da tarde e começo da noite(Marcos Bezerra/Futura Press/Folhapress/VEJA)

A rodovia Fernão Dias, que liga São Paulo a Belo Horizonte, tem 43 quilômetros de congestionamento no sentido São Paulo, entre os quilômetros 16 e 59, nas regiões de Atibaia e Bragança Paulista, na volta do feriado da Semana Santa. No sentido Minas Gerais, o trânsito é intenso em Itatiaiuçu (MG), em virtude de obras e, na região de Betim, por excesso de veículos que chegam à capital mineira.

Na Castello Branco, no fim da tarde, havia dois pontos de congestionamento, provocados pelo excesso de veículos, com um total de 30 quilômetros de lentidão: na região de Barueri, do quilômetro 30 ao 41, e na região de Itu, do 52 ao 71, segundo informações da CCR Viaoeste. Já a concessionária Autopista Régis Bittencourt informa que o trânsito na rodovia que liga São Paulo a Curitiba tem lentidão de quatro quilômetros na altura de Miracatu (SP).

Na Ayrton Senna, são 20 quilômetros de congestionamentos, na chegada a São Paulo, entre os quilômetros 28 e 40 e do 20 ao 24, e na região de Jacareí, do 77 ao 81. Na Presidente Dutra, o tráfego é intenso na região de Guaratinguetá, entre os quilômetros 64 e 66.

O sistema Anhanguera-Bandeirantes tem tráfego intenso na Anhanguera, na região de Jundiaí, com congestionamentos entre os quilômetros 59 e 64, sentido São Paulo. No mesmo sentido, pela Bandeirantes, os pontos de congestionamentos são dos quilômetros 58 ao 66, do 72 ao 77 e do 92 ao 101. Na rodovia, o tráfego de caminhões entre os quilômetros 48 e 23, sentido São Paulo, é proibido, como ocorre todos os domingos.

Litoral - A rodovia dos Tamoios, que está em obra de duplicação, apresenta tráfego intenso, com 16 quilômetros de lentidão, sentido Caraguatatuba-São José dos Campos. Os trechos mais carregados estão entre o quilômetros 57 e 63 e do 16 ao 26, segundo o Departamento de Estradas de Rodagem (DER).

O sistema Anchieta-Imigrantes tem trânsito livre nas duas principais rodovias, mas registra sete quilômetros de lentidão na Padre Manoel da Nóbrega, que dá acesso à subida para São Paulo, do quilômetro 285 ao 292. O sistema opera no sistema 2 x 8, com seis pistas da Imigrantes e duas da Anchieta liberadas sentido São Paulo e as outras duas da Anchieta rumo ao litoral.

Quem trafega no litoral pela rodovia Rio-Santos encontra tráfego intenso, mas sem pontos de congestionamento.

(Com Estadão Conteúdo)

TAGs:
Trânsito