Mais Lidas

  1. Temer vence 1ª batalha e Congresso aprova meta fiscal

    Brasil

    Temer vence 1ª batalha e Congresso aprova meta fiscal

  2. Miriam Belchior é exonerada da presidência da Caixa

    Economia

    Miriam Belchior é exonerada da presidência da Caixa

  3. Sequestrador de Ana Hickmann foi ‘assassinado com crueldade e frieza’, diz irmã

    Entretenimento

    Sequestrador de Ana Hickmann foi ‘assassinado com crueldade e...

  4. Em gravação, Renan fala em mudar lei da delação

    Brasil

    Em gravação, Renan fala em mudar lei da delação

  5. Ouça a conversa entre Ana Hickmann e fã que a atacou

    Entretenimento

    Ouça a conversa entre Ana Hickmann e fã que a atacou

  6. Afastado do Planejamento, Jucá ocupa tribuna do Congresso e provoca bate-boca

    Brasil

    Afastado do Planejamento, Jucá ocupa tribuna do Congresso e provoca...

  7. Teori homologa delação do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado

    Brasil

    Teori homologa delação do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado

  8. Bruna Linzmeyer sensualiza após ataques homofóbicos no Instagram

    Entretenimento

    Bruna Linzmeyer sensualiza após ataques homofóbicos no Instagram

Lula afirma que não vai comparecer a depoimento

Defesa do ex-presidente pretende enviar por escrito os esclarecimentos ao MP-SP sobre o tríplex reformado pela OAS

Por: Felipe Frazão, de Brasília - Atualizado em

Lula é vitimizado na propaganda do PT, que irá ao ar na TV em 23/02/2016
Lula não quer encarar Conserino(Reprodução/VEJA)

O Instituto Lula informou nesta segunda-feira que o ex-presidente não prestará depoimento nesta quinta-feira ao Ministério Público de São Paulo na investigação sobre seu tríplex no Guarujá, litoral paulista. A defesa do ex-presidente Lula impetrou um habeas corpus preventivo no Tribunal de Justiça de São Paulo para evitar que Lula e a mulher, Marisa Letícia, sejam conduzidos coercitivamente a depor. Os advogados do ex-presidente decidiram enviar por escrito os esclarecimentos do casal ao promotor Cássio Conserino. O tríplex pertencia à Bancoop, que quebrou em 2009 após escândalos de desvio de recursos a integrantes do PT. A pedido do ex-presidente, a OAS assumiu alguns empreendimentos da cooperativa, entre eles as obras do Solaris.

O advogado do petista, Cristiano Zanin Martins, disse ao site de VEJA que Lula e Marisa prestaram informações por escrito ao Ministério Público de São Paulo. O advogado ainda contesta a designação do promotor - o que já foi confirmado pelo Conselho Nacional do Ministério Público.

"O promotor Cássio Conserino não pode exigir a presença do ex-presidente Lula e da Dona Marisa sob pena de condução coercitiva, como fez constar neste novo mandado de intimação. Ele não é o promotor natural do caso, já anunciou desde janeiro à própria VEJA a intenção de denunciar do ex-presidente e sua esposa antes de realizar as investigações, de forma que a audiência que ele designou busca apenas um contraditório burocrático."

A defesa também alega que o Ministério Público deve aguardar a definição, no Supremo Tribunal Federal, de um conflito de competência sobre que órgão deverá conduzir as investigações do tríplex: além do Ministério Público paulista, o Ministério Público Federal, responsável pela Operação Lava Jato, também possui inquérito em andamento. A relatora da ação cível originária é a ministra Rosa Weber. "O ex-presidente Lula não teme qualquer investigação, desde que realizada por autoridade competente e imparcial", disse Zanin.

Promotores - Na noite desta segunda-feira, Conserino e o promotor Fernando Henrique de Moraes Araújo informaram que não têm a intenção de conduzir de forma coercitiva Lula e Marisa para prestarem depoimento e que houve um "equívoco" na intimação. "Talvez tenham utilizado modelo padrão para notificação de testemunha", assinalaram.

Segundo reportagem de VEJA, o promotor de São Paulo Cássio Conserino já tomou a decisão de denunciar Lula e Marisa Letícia por lavagem de dinheiro. A promotoria vê indícios de que a compra do tríplex se tratou de uma "operação cuidadosamente arquitetada" para ocultar patrimônio. A Lava Jato, por sua vez, apura se os imóveis foram usados como pagamento de propina. Na semana passada, VEJA revelou novos diálogos que mostram Lula e Marisa Letícia tratados como "o chefe e a madame" pela cúpula da empreiteira OAS, que assumiu a obra da cooperativa Bancoop, ligada ao PT, e reformou a cobertura para o ex-presidente na praia das Astúrias, litoral paulista.

TAGs:
Lula