Mais Lidas

  1. Ouça a conversa entre Ana Hickmann e fã que a atacou

    Entretenimento

    Ouça a conversa entre Ana Hickmann e fã que a atacou

  2. Moro, aplausos e um pedido: 'Prenda o Lula'

    Brasil

    Moro, aplausos e um pedido: 'Prenda o Lula'

  3. Na Argentina, Serra firma acordo de 'coordenação política'

    Brasil

    Na Argentina, Serra firma acordo de 'coordenação política'

  4. Argentina: jogador morre depois de receber golpes na cabeça

    Esporte

    Argentina: jogador morre depois de receber golpes na cabeça

  5. Sucessor de Jucá no Planejamento é citado na Zelotes

    Brasil

    Sucessor de Jucá no Planejamento é citado na Zelotes

  6. Novos áudios mostram que Jucá não falava sobre economia ao citar "sangria"

    Brasil

    Novos áudios mostram que Jucá não falava sobre economia ao citar...

  7. Temer confirma afastamento de Jucá

    Brasil

    Temer confirma afastamento de Jucá

  8. Moro cobra postura mais ativa do governo contra corrupção: 'Não interferir é obrigação'

    Brasil

    Moro cobra postura mais ativa do governo contra corrupção: 'Não...

Ex-advogado do PT, Toffoli assume presidência do TSE

Por: Adriana Pereira, de Brasília - Atualizado em

Juiz José Antonio Dias Toffoli comparece ao julgamento do mensalão no Supremo Tribunal Federal, em Brasília
José Antonio Dias Toffoli toma posse como presidente do TSE (Nelson Jr./SCO/STF/VEJA)

Ex-advogado do PT, o ministro José Antonio Dias Toffoli tomou posse nesta terça-feira como presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Sucessor de Marco Aurélio Mello na Corte, o magistrado será responsável por conduzir a instituição durante as eleições de outubro.

Leia também:

A manobra de Toffoli para instituir a 'PEC 37' nas eleições

Indicado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para o Supremo Tribunal Federal (STF), onde recebeu críticas pela inexperiência, Toffoli patrocinou no TSE, no apagar das luzes de 2013, uma espécie de "lei da mordaça" para o Ministério Público Eleitoral. A norma estabelece que os promotores e procuradores precisam de autorização prévia do juiz eleitoral para abrir uma investigação, com exceção dos casos de flagrante delito. O tema foi parar no STF, onde está pendente.

O novo presidente do TSE fez carreira na área jurídica do PT e foi assessor da Casa Civil quando a pasta era chefiada por José Dirceu. No julgamento do mensalão, o ministro absolveu o ex-chefe, mas condenou os petistas José Genoino e Delúbio Soares.

Também nesta terça o ministro Gilmar Mendes tomou posse no TSE, desta vez na vaga de vice-presidente do tribunal.

TAGs:
Maquiavel
José Antonio Dias Toffoli
PT