Mais Lidas

  1. Andréa de Nóbrega deixa Carlos Alberto e 'A Praça É Nossa'

    Entretenimento

    Andréa de Nóbrega deixa Carlos Alberto e 'A Praça É Nossa'

  2. Patricia Abravanel bate na África e apanha nas redes

    Entretenimento

    Patricia Abravanel bate na África e apanha nas redes

  3. Exclusivo: delator revela caminho das propinas para operador de Renan e do PMDB

    Brasil

    Exclusivo: delator revela caminho das propinas para operador de...

  4. Campanha de Dilma recebeu R$ 2 mi de investigada na Boca Livre

    Brasil

    Campanha de Dilma recebeu R$ 2 mi de investigada na Boca Livre

  5. Ciro defende 'sequestrar' Lula em caso de pedido de prisão

    Brasil

    Ciro defende 'sequestrar' Lula em caso de pedido de prisão

  6. ‘Game of Thrones’: por que saber a origem de Jon Snow é importante

    Entretenimento

    ‘Game of Thrones’: por que saber a origem de Jon Snow é importante

  7. Impeachment pode marcar nova onda de valorização do real

    Economia

    Impeachment pode marcar nova onda de valorização do real

  8. Ministério da Cultura fazia fiscalização 'pífia', diz MP sobre grupo que desviou R$ 180 mi

    Brasil

    Ministério da Cultura fazia fiscalização 'pífia', diz MP sobre...

De cada dez crianças abusadas sexualmente, quatro são vítimas do pai, diz estudo

Levantamento é divulgado no Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

- Atualizado em

Pesquisa indica que quatro entre dez crianças abusadas sexualmente são vítimas do próprio pai
Pesquisa indica que quatro entre dez crianças abusadas sexualmente são vítimas do próprio pai(Larisa Lofitskaya/iStockphoto/Getty Images/VEJA)

Um levantamento feito pelo Hospital das Clínicas da Universidade de São Paulo (USP) e divulgado pela Agência Brasil aponta que 88% das crianças abusadas sexualmente foram molestadas por pessoas da família ou próximas a ela. De cada dez, quatro foram vítimas do próprio pai e três, do padrasto.

O Programa de Psiquiatria e Psicologia Forense (Nufor) do hospital acompanhou 205 crianças abusadas entre 2005 e 2009. A análise indicou o pai como agressor em 38% dos casos, o padrasto em 29%, um tio em 15% e algum primo em 6%. De acordo com a pesquisa, há também agressões feitas por vizinhos (9%) e desconhecidos (3%) das ocorrências.

O estudo revela ainda que a maioria das vítimas tem até dez anos de idade e 63,4% do total são meninas. Para o psicólogo e coordenador da pesquisa, Antonio de Pádua Serafim, as mães deveriam monitorar o que acontece dentro de casa para prevenir as agressões, já que as crianças não conseguem entregar seus algozes. "É gritante o fato de o pai ser o maior agressor. Ele é justamente quem deveria proteger", comenta.

Segundo o especialista, as crianças costumam dar sinais do abusos pelo comportamento. As mães, portanto, devem ficar de olho nas alterações de humor dos filhos. "Uma mudança brusca é a maior sinalização de abuso", diz Serafim.

Eventos - Esta quarta-feira, 18 de maio, marca o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. Em Brasília, a ministra da Secretaria Nacional de Direitos Humanos, Maria do Rosário, encontra-se com a rainha Silvia, da Suécia, para tratar do tema. Em seguida, participa da entrega do Plano Nacional de Enfrentamento da Violência Sexual contra Crianças e Adolescentes, no Palácio do Planalto. Em todo o país estão marcadas manifestações e campanhas de conscientização sobre o crime ao longo do dia.

TAGs:
Abuso Sexual
Crime
Criança