Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Venezuela receberá crédito de US$ 4 bi da China para projetos petroleiros

A Venezuela receberá um novo crédito chinês de 4 bilhões de dólares para aumentar a produção petroleira das empresas chinesas e venezuelanas na Faixa do Orinoco (leste) para até 1,1 milhão de barris diários em 2014, disse nesta terça-feira o ministro venezuelano de Petróleo, Rafael Ramírez.

Este financiamento é “para dar cobertura ao plano de incremento da produção” petroleira das empresas mistas que têm um “horizonte para o ano de 2014 de 1,1 milhão de barris diários de petróleo”, anunciou Ramírez.

Ramírez, também presidente da petroleira estatal PDVSA, explicou que atualmente as empresas chino-venezuelanas produzem 112.000 barris de petróleo diários na Faixa do Orinoco, que abriga as maiores reservas de petróleo pesado no mundo.

O presidente venezuelano, Hugo Chávez, assinará na quarta-feira esse acordo de financiamento durante uma reunião com uma comitiva chinesa liderada pelo vice-ministro da Comissão Nacional de Desenvolvimento e Reforma da China, Zhang Xiaoqiang, que está na Venezuela desde segunda-feira, segundo o ministro.