Venezuela: 67,8% querem saída de Maduro

Mais de 90% consideraram regular, ruim, ou muito ruim a situação econômica do país

Pelo menos 67,8% dos venezuelanos votariam contra o presidente Nicolás Maduro em um eventual referendo revogatório — de acordo com uma pesquisa realizada pela empresa Venebarómetro. Maduro perderia a consulta com folga, indica a enquete divulgada nesta quarta-feira, para a qual 1.200 pessoas foram entrevistadas entre 26 de agosto e 4 de setembro.

Contra os 67,8% que apoiariam o referendo de seu mandato, apenas 23,5% seriam a favor de sua permanência no poder. Outros 8,8% dos entrevistados não quiseram responder. Em fevereiro de 2015, 59,5% disseram que votariam contra Maduro.

Leia também
EUA acusam Venezuela de ignorar voz do povo
Referendo venezuelano será no primeiro trimestre de 2017
Bebês dormem em caixas de papelão em hospital da Venezuela

A gestão do presidente foi avaliada de maneira negativa por 76,4% dos entrevistados, e 50,5% avaliam como péssima. Além disso, 90,9% consideraram regular, ruim, ou muito ruim a situação econômica do país. Em novembro de 2015, esse percentual de 73,3%.

Crise aguda — O Fundo Monetário Internacional (FMI) estima que a inflação possa chegar a 720% neste ano na Venezuela, que também enfrenta graves problemas de desabastecimento de produtos básicos e uma forte recessão, aprofundada pelo recuo dos preços do petróleo — a commodity gera 98% dos recursos recebidos pelo país por suas exportações.

(Com agência France-Presse)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. alfredo carlos gomes

    80 por cento dos brasileiros também

    Curtir

  2. hildo molina

    quem está nestes 32% de idi otas?

    Curtir

  3. Micky Oliver

    Só 67%???? Os demais estão satisfeitos em passarem por apuros?!

    Curtir

  4. João carlos

    Vai sair essa faixa não te pertence canalha do maduro,que o nome deve ser podre.

    Curtir

  5. Franklin de Paula

    EIS AÍ. O petralhada da Venezuela. Porco como os daqui.

    Curtir