Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Unasul quer garantir que tropas extrarregionais não sejam ameaça à região

A cúpula de presidentes da União de Nações Sul-Americanas (Unasul) aprovou nesta sexta-feira um documento no qual reafirma que a presença de tropas extrarregionais não pode ameaçar a soberania dos países membros nem a paz regional.

A reunião foi organizada para discutir o acordo militar que está sendo negociado entre Estados Unidos e Colômbia para a utilização de bases colombianas por tropas americanas. O acordo foi contestado pelos presidentes da Venezuela, Hugo Chávez, e da Bolívia, Evo Morales. Brasil e Argentina, por sua vez, exigiram garantias contra a intervenção das tropas americanas em “terceiros países”.

Entre as decisões que constam da declaração final, estão instruções como “fortalecer a América do Sul como zona de paz, assumindo o compromisso de estabelecer um mecanismo de confiança mútua em matéria de defesa e segurança”, “reafirmar o compromisso de fortalecer a luta e a cooperação contra o terrorismo” e garantir que a presença de forças militares estrangeiras não ameace “a soberania e a integridade de qualquer nação sul-americana e, em consequência, a paz e a segurança da região”.

O documento ainda orienta os ministros das Relações Exteriores e da Defesa a pensar estratégias de confiança e segurança para a região – principalmente contra o tráfico ilegal de armas e drogas e o terrorismo -, na reunião que ocorrerá em meados do próximo mês.

(Com agência France-Presse)