TV divulga imagens inéditas de brasileiro morto na Austrália

Sequência mostra Roberto Laudisio Curti sem camisa, em loja de conveniência

Um video inédito divulgado nesta sexta-feira pela TV australiana SBS mostra o brasileiro Roberto Laudisio Curti momentos antes de ser morto pela polícia depois de vários disparos de arma de choque (taser), em março passado. A morte do estudante, que morava em Sidney, levantou críticas quanto o comportamento dos policiais, que perseguiram o rapaz sob o argumento de que ele furtou uma loja de conveniência.

As imagens, feitas de dentro do estabelecimento comercial, mostra o jovem, sem camisa, atrás do balcão. A próxima cena, dois minutos depois, mostra o rapaz conversando com o caixa e, em seguida, ele parece estar de cabeça para baixo, em cima do balcão. Na sequência, o rapaz está de pé, ainda atrás do balcão.

Seis segundos depois, o rapaz está do outro lado do balcão, segurando o que parace ser uma caixa de biscoitos – o que Laudisio era acusado de ter roubado do local. Feita de outro ângulo, a mesma imagem indica que o caixa estava pedindo que o rapaz deixasse a loja, enquanto um terceiro homem aparenta estar usando seu celular.

Polícia – De acordo com a reportagem exibida na emissora, a polícia local afirmou que o “julgamento” da imprensa baseado nas únicas imagens do incidente até então – que mostravam o momento em que os policiais disparam o taser contra Laudisio – comprometem a avaliação da população da atitude dos policiais durante o caso. “As pessoas não entendem as decisões difíceis que os policiais devem tomar em situações como esta”.