Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Trump queria multiplicar arsenal nuclear por 10, diz NBC

O presidente americano negou a informação em sua conta do no Twitter e acusou a rede de notícias americana de divulgar "fake news"

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, teria apresentado em uma reunião com sua equipe de segurança nacional o desejo de multiplicar por dez o arsenal nuclear do país, afirmou nesta quarta-feira a rede NBC. A informação foi confirmada ao veículo por três funcionários que estiveram presentes na reunião, realizada em 20 de julho no Pentágono, sede do Departamento de Defesa americano.

Os comentários, negados por Trump em sua conta no Twitter, teriam sido feitos após uma apresentação que apontou a redução constante do armamento nuclear dos Estados Unidos desde o final dos anos 60. De acordo com os funcionários citados pela NBC, que pediram anonimato, os conselheiros de Trump presentes na reunião, entre eles o secretário de Estado, Rex Tillerson, se mostraram surpresos com as palavras do governante e lhe explicaram brevemente “os impedimentos legais e práticos” de um acúmulo nuclear.

Foi após essa reunião que supostamente Tillerson chamou Trump de “estúpido”, segundo revelou anteriormente também a NBC, já que um eventual aumento do arsenal nuclear americano seria uma contravenção de acordos internacionais de não proliferação, com consequências imprevisíveis em todo o mundo.

Tillerson negou na quarta-feira passada que tenha pensado em se demitir e defendeu sua relação com o presidente americano, em um posicionamento nada usual que muitos observadores atribuíram a uma tentativa do chefe da diplomacia americana de conservar seu emprego. Nessa declaração, Tillerson não quis esclarecer se insultou Trump, por considerar que se trata de uma questão insignificante, mas seu porta-voz afirmou que o secretário de Estado não usa “esse tipo de linguagem para falar sobre o presidente dos Estados Unidos”.

Em 27 de janeiro, logo depois de assumir a presidência, Trump pediu por meio de uma ordem executiva que fosse avaliada a necessidade de modernização do arsenal nuclear dos Estados Unidos. O suposto comentário de Trump sobre o arsenal americano foi divulgado em um momento de tensões em alta entre os Estados Unidos e a Coreia do Norte, e às vésperas de um esperado anúncio do presidente sobre a manutenção ou não do país em um acordo com o Irã sobre o programa nuclear de Teerã.

“Fake News”

Em publicação no Twitter após a divulgação da notícia, Trump afirmou: “A falsa @NBCNews inventou uma história de que eu queria aumentar 10 vezes nosso arsenal nuclear. Pura ficção, criada para humilhar. NEC=CNN!”

Em seguida, o presidente americano questionou se se não deveria revogar licenças de veículos de comunicação aos quais acusa de publicar “fake news”. “Com todas as notícias falsas que saem da NBC e de outras redes, em que momento é apropriado questionar as suas licenças? Ruim para o país!”, disse no Twitter.

(com agências internacionais)