Suspeito de planejar ataque na Alemanha é achado morto na prisão

Autoridades informaram que Jaber al-Bakr, de 22 anos, se suicidou na prisão de Leipzig, na Saxônia, no leste do país

O refugiado sírio preso no início da semana na Alemanha por suspeita de planejar um atentado terrorista em um aeroporto de Berlim foi encontrado morto nesta quarta-feira. Jaber al-Bakr, de 22 anos, se suicidou na prisão de Leipzig, na Saxônia, no leste do país.

“Na noite de 12 de outubro de 2016, Jaber Al-Bakr, suspeito de planejar um sério atentado, tirou sua vida no hospital do centro de detenção de Leipzig”, diz um comunicado do Ministério da Justiça da Saxônica, sem dar detalhes de como o sírio se matou. Segundo o site Spiegel Online, Al-Bakr havia iniciado uma greve de fome e estava sob constante vigilância.

A polícia prendeu Al-Bakr em Leipzig na segunda-feira, após dois dias de uma grande operação de buscas. Ele estava no apartamento de outro imigrante sírio, que o ofereceu abrigo, mas avisou a polícia quando percebeu que ele era o fugitivo procurado pelas forças de segurança da Alemanha, informou o site Spiegel Online.

A cidade de Leipzig fica perto de Chemnitz (260 km ao sul de Berlim), onde morava Al-Bakr, refugiado há mais de um ano na Alemanha. Durante as buscas antes da prisão, a polícia encontrou 1,5 quilo de explosivos  na casa do suspeito. As autoridades acreditam que ele tinha ligação com o grupo extremista Estado Islâmico.

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Wilson A. Zamignani

    Cade a esquerda pra defender o terrorista ?

    Curtir

  2. Filho do Brasil

    Legal

    Curtir

  3. Maila Bruno Suzuki de Oliveira

    Foi tarde!

    Curtir