Spotify oferece emprego de ‘Presidente das Playlists’ para Obama

A vaga exige que o candidato tenha experiência gerenciando um país e possua um Prêmio Nobel da Paz

Semanas antes de deixar a Casa Branca, Barack Obama já tem uma oferta tentadora de emprego a sua espera. O serviço de streaming de música Spotify publicou uma vaga nesta segunda-feira que apenas o democrata poderia ocupar: “Presidente de Playlists”.

A oportunidade foi divulgada no site da empresa, assim como outras vagas, mas requer um currículo bastante específico. As exigências incluem “ter oito anos de experiência gerenciando uma nação conceituada”, “experiência em programar playlists a nível federal” e, claro, um Prêmio Nobel da Paz.

O motivo da oferta surgiu na semana passada, quando Obama se reuniu com Mark Brzezinski, embaixador da Suécia, país de origem do serviço de música. “Ainda estou esperando pelo meu emprego no Spotify. Sei que todos vocês amam minhas playlists”, brincou o democrata na ocasião. Daniel Ek, fundador do Spotify, postou a oportunidade hoje em seu Twitter. “Hey @BarackObama, ouvi que você estava interessado em uma vaga no Spotify. Viu esta?”, escreveu.

Entre as atribuições do emprego, Obama não fugiria muito de sua rotina na Casa Branca. A vaga pede que o funcionário “compareça a briefings diários”, “ofereça liderança aos editores” e sugira novas ideias, “como uma playlist para jogar basquete com os amigos ou falar à nação sobre leis de saúde que levem seu nome”.