Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘Sairemos ainda mais fortes’, diz Hollande após ataques

O presidente francês parabenizou policiais e alertou que a França ainda não está livre de ameaças. ‘Faço um chamado à vigilância, à união e à mobilização’

O presidente François Hollande fez um pronunciamento na noite desta sexta-feira parabenizando os policiais que mataram os responsáveis pelo ataque ao semanário Charlie Hebdo e disse que a França ainda não está livre das ameaças terroristas.

“Eu gostaria de parabenizar a coragem, a bravura, a eficácia dos policiais, de todos os que participaram dessas operações. Estou orgulhosos deles”, disse o mandatário, que também expressou solidariedade às famílias dos quatro mortos e dos feridos.

Leia também:

Conheça o grupo que treinou um dos terroristas de Paris

A ação policial também terminou com a morte de outro terrorista, que fez reféns em um supermercado kosher no leste de Paris nesta sexta-feira. O presidente condenou essa ação como um “terrível ato antissemita”. E chamou os terroristas de “fanáticos, que não têm nada a ver com a religião muçulmana”.

“A França não acabou com as ameaças de que é alvo. Eu faço um chamado à vigilância, à união e à mobilização”, disse Hollande, acrescentando que as medidas de segurança em lugares públicos serão reforçadas.

“Nós devemos ser capazes de responder aos ataques pela força, mas também pela solidariedade. Nós somos um povo livre, que não cede a pressão alguma, que não tem medo, porque nós defendemos um ideal maior do que nós”, afirmou. “Com essa prova, nós sairemos ainda mais fortes”.