Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Resultados definitivos confirmam vitória de liberais na Polônia

O partido liberal Plataforma Cívica (PO) venceu as eleições legislativas de domingo na Polônia com 39,18% dos votos, segundo os resultados definitivos oficiais publicados nesta terça-feira à tarde pela Comissão Eleitoral Nacional.

O PO, dirigido pelo primeiro-ministro Donald Tusk, obteve 207 assentos na Dieta (câmara baixa), que conta com um total de 460.

O partido conservador Direito e Justiça (PiS), de Jaroslaw Kaczynski, chegou em segundo lugar, com 29,89% dos votos, e obteve 157 assentos.

Um recém-chegado ao cenário político polonês, o movimento de esquerda anticlerical Movimento do Palikot (RP), se converte na terceira força política do país com o apoio de 10,02% dos eleitores, o que significou 40 cargos no Parlamento.

É seguido pelo partido PSL, aliado dos liberais no governo atual, que se beneficiou do apoio de 8,36% (28 assentos), e o partido social-democrata (SLD), com 8,24% dos votos e 27 assentos.

A minoria alemã, que não se submete à regra de 5% dos votos necessários para entrar no Parlamento, obteve um assento na câmara baixa.

No Senado, que conta com 100 assentos, o PO obteve 63, o PiS 31 e o PSL 2, enquanto quatro assentos correspondem a candidatos independentes.

O índice de participação nas eleições de 9 de outubro foi de 48,92%.