Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Reino Unido abre as urnas em todo o país

May e Corbyn votaram no meio da manhã. Ela na localidade de Sonning, a oeste de Londres, e ele em uma escola do bairro londrino de Islington

Às 7h da manhã, hora local, abriram-se as portas postos de votação por todo o Reino Unido. Até as 22h, os 47 milhões eleitores britânicos votarão em seus representantes regionais. São eles que formarão o governo que negociará os termos do divórcio com a União Europeia. As conversas começam em 11 dias. Sem urnas eletrônicas, o Reino Unido faz a contagem dos votos manualmente. A apuração nos 650 distritos começará ainda esta noite e será bastante longa, com o anúncio do resultado final previsto somente para as 5h da manhã de sexta-feira. O partido que eleger 326 ou mais membros parlamentares terá seu líder nomeado primeiro-ministro.

O tempo chuvoso em algumas partes do país pode afetar a participação eleitoral em todo o país, onde o voto não é obrigatório. A previsão é que pelo menos 60% dos eleitores compareçam às urnas.

Nas redes sociais, hashtags tradicionais do período de eleições, como a #DogsAtPollingStation compartilhadas por donos de cachorros e outros bichinhos que levaram seus companheiros peludos para os postos de votação ficaram populares logo pela manhã. No Twitter, posts relembrando a feminista Emily Davison, ativista da legalização do voto para as mulheres britânicas na década de 1910, também estão em alta.

A previsão é que se forme um governo conservador. De acordo com última pesquisa de intenção de voto publicada pela YouGov na noite de quarta-feira, 7, o partido de Theresa May mantém 7 pontos de liderança perante os trabalhistas Corbyn. Caso o resultado se confirme, dará aos conservadores uma maioria de pelo menos 50 assentos. Neste cenário, os Liberais democratas seguem com 10% dos votos, seguidos pela UKip com 5%.

May e Corbyn votaram no meio da manhã. Ela na localidade de Sonning, a oeste de Londres, e ele em uma escola do bairro londrino de Islington.