Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Porta-voz de Obama nega espionagem a Trump

Sem apresentar provas, Trump acusou Obama de grampear seu telefone durante a campanha eleitoral

O ex-presidente dos Estados Unidos Barack Obama jamais ordenou que se espionasse os cidadãos americanos, afirmou um porta-voz neste sábado, depois que o atual mandatário Donald Trump acusou seu antecessor de grampear seus telefones durante a campanha eleitoral do ano passado.

“Nem o presidente Obama nem nenhum funcionário da Casa Branca ordenaram espionar qualquer cidadão americano”, afirmou o pota-voz de Obama, Kevin Lewis, em um comunicado. “Qualquer alegação contrária é simplesmente falsa”, completa.

Veja também

Mais cedo, sem apresentar nenhuma prova ou indício que comprove a acusação, Trump tuitou que Obama grampeou seu telefone em outubro, às vésperas da eleição presidencial, e comparou a ação ao Caso Watergate, que resultou a renúncia de Richard Nixon em 1974.

O atual líder americano publicou no começo da manhã uma série de posts no Twitter em que classificou Obama como “ruim” e “doente” por ter gravado conversas de seus escritórios na torre de Nova York que leva seu nome.

“Quão baixo chegou o presidente Obama ao grampear meus telefones durante o sagrado processo eleitoral. Isto é Nixon/Watergate”, escreveu Trump na rede social.

 

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Guilherme Silva

    Declaração de porta-voz de político ou do próprio não vale nada. Já que o fato descrito por Trump foi dito à vista de todos e seria falso (lembrando que, tirando os infiltrados, agora é ele quem ele tem autoridade sobre a maior estrutura de inteligência do planeta), eu quero ver o comportamento do noticiário. Vamos ver se a barragem da artilharia vai abrir fogo como faz com coisas menores, se vai se limitar a repetir as declarações dos dois lados ou se vai encontrar rapidinho outo assunto para falar.

    Curtir

  2. José Antonio da Silva

    Ora, Obama mandou a inteligência americana espionar Ângela Merkel, Dilma Rousseff e outros líderes europeus, porque faria o mesmo com um adversário político direto?

    Curtir

  3. Guilherme Silva

    “Nem o presidente nem nenhum funcionário da Casa Branca ordenaram espionar qualquer cidadão americano”. Coitado, já queimou o cartucho Mensalão Nunca Existiu e logo em seguida também o Eu Não Sabia de Nada. Vai apelar para qual estratégia depois? Ele não tem como sair atirando com o É Coisa Da Imprensa.

    Curtir