Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Papa: palavra mãe não deveria ser usada para nomear uma bomba

Francisco afirmou que ficou 'envergonhado' ao ouvir o nome do explosivo: "Uma mãe dá a vida e esta dá a morte"

O papa Francisco afirmou neste sábado que ficou “envergonhado” ao saber do nome da bomba jogada pelos Estados Unidos no Afeganistão: a “mãe de todas as bombas”. “Uma mãe dá a vida e esta dá a morte, e nós chamamos esse dispositivo de mãe. O que está acontecendo?”, criticou o pontífice neste sábado, ao falar a uma plateia de estudantes.

A “mãe de todas as bombas”, que é o mais potente explosivo não-nuclear do arsenal americano, foi jogada em abril em uma área ocupada pelo grupo terrorista Estado Islâmico no Afeganistão. Oficialmente, o armamento é designado como Munição Explosiva Aérea Massiva (MOAB, na sigla em inglês) GBU-43, mas se tornou muito mais conhecido pelo seu nome informal.

Francisco terá em breve uma oportunidade de lamentar o apelido da bomba diretamente com o presidente dos Estados Unidos. O papa vai receber Donald Trump no Vaticano no dia 24 de maio.

A bomba GBU-43B usada no Afeganistão pelos EUA

A bomba GBU-43B Massive Ordnance Air blast (MOAB) conhecida como a Mãe de Todas as Bombas (Foto/Reprodução)

(Com agência Reuters)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Antonio Carlos Peludo

    Nossa o Santo padre não conhece metáfora ?

    Curtir