Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Papa Francisco diz que será muito sincero em encontro com Trump

Líder da Igreja Católica e presidente americano divergem em questões como imigração e refugiados; encontro será no dia 24, no Vaticano

O Papa Francisco afirmou neste sábado que será “muito sincero” ao conversar com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, no encontro programado entre os dois no próximo dia 24 de maio, no Vaticano. Será a primeira vez que eles irão se reunir. A afirmação foi dada ao se referir às diferenças de posições em temas como imigração, refugiados e mudanças climáticas.

O Papa Francisco disse ainda que vai deixar Trump expor as suas posições e seus argumentos antes de, eventualmente, fazer qualquer julgamento sobre o empresário e agora político americano. “Mesmo quando alguém pensa diferente, nós temos que ser muito sinceros em relação ao que cada um pensa a respeito de um assunto”, disse o pontífice.

Veja também

No ano passado, questionado sobre as propostas do então candidato Trump sobre imigração e a promessa de erguer um muro na fronteira dos Estados Unidos com o México para barrar a entrada de imigrantes do país vizinho, o Papa Francisco disse que uma pessoa com tais ideais não era um cristão.

Ainda assim, o chefe da Igreja Católica disse que vai procurar formar consensos com Trump. “Sempre existem portas que não estão fechadas. Nós temos que encontrar as portas que estão parcialmente abertas, entrar e conversarmos sobre coisas que temos em comum. E ir adiante, passo a passo”, disse o Papa Francisco sobre o que pretende fazer.

(Com a Reuters)

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Roberto Flores Martins

    Papa Francisco, produto de uma Igreja anticlerical.

    Curtir

  2. Ataíde Jorge de Oliveira

    +1
    Q
    TRäGA — $ëM_FümmAR

    Curtir

  3. Paulo Bandarra

    Pena que foi omisso com os comunistas fratricidas.

    Curtir