Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Pai de jovem morto em protesto na Venezuela foi chefe de Maduro

David José Vallenilla fez um apelo por esclarecimentos ao presidente venezuelano, a quem chamou de amigo

David José Vallenilla, pai de David Vallenilla, morto pela Guarda Nacional Bolivariana na tarde da quinta-feira, fez um apelo para que Nicolás Maduro esclareça o que aconteceu com seu filho. Vallenilla contou que foi chefe do atual presidente da Venezuela quando os dois trabalharam juntos no Metro de Caracas e que Maduro chegou a conhecer seu filho, informou o jornal local El Nacional.

Nicolás, claro que houve uma agressão direta contra David, que você conheceu pequeno”, disse ele.

O jovem técnico de enfermagem, de 22 anos, foi atingido por três tiros no peito enquanto protestava contra o governo de Maduro, em Chacao, município de Caracas, e chegou a ser levado para o hospital, mas morreu na mesa de cirurgia. O momento em que Vallenilla é atingido ao se aproximar da Base Aérea de La Carlota foi registrado ao vivo pelo canal VivoPlay e rapidamente se espalhou pelas redes sociais.

Veja também

“Eu não quero pedir justiça, porque essa palavra é usada demais. Mas eu quero que as coisas não permaneçam como estão, Nicolás. [Meu filho] não era malandro, era um estudante de pós-graduação (…) Nicolás, por favor. Sou Davi José, seu chefe. Amigo – eu digo amigo, porque respeito você – você era uma pessoa muito focada. Está em suas mãos esclarecer o que aconteceu”, disse Vallenilla para a imprensa presente no necrotério Bello Monte, onde o corpo de seu filho estava.

A dura repressão de Maduro às manifestações contra seu governo deixou 76 mortos desde o começo de abril. Há quase três meses, a população protesta diariamente contra o presidente.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Julio Rodrigues Neto

    Este governo, há muito, já apodreceu.

    Curtir

  2. Denise.nagamine Nagamine

    Amigo. Imagina se fosse inimigo. Não faça do microondas uma arma.

    Curtir

  3. Marcos de Almeida Lima

    Comunista alisando comunista.
    Peça licença ao Maduro para chorar a morte do filho.

    Curtir

  4. Esse é o sistema de Governo que Jararaca e sua turma querem implantarem no Brasil

    Curtir

  5. Clara Eñelee Kornetz Alves

    Castigo exemplar.Ou não.

    Curtir

  6. Vicente Machado

    So um patife chama de amigo o responsável pela morte do proprio filho. Comunistas são canalhas no dna e não mudam nem mesmo sendo atacados pelos seus camaradas.

    Curtir

  7. Antonio Carlos Peludo

    No final esse Maduro receberá o que merece . Pela mão dos homens

    Curtir

  8. VERDE e AMARELO

    NÃO É CRISE, É IMPLANTAÇÃO DE DITADURA COMUNISTA! VAMOS NO MESMO RUMA VIA URNA ELETRÔNICA DE GEORGE SOROS!

    Curtir

  9. VERDE e AMARELO

    NÃO É CRISE, É IMPLANTAÇÃO DE DITADURA COMUNISTA! VAMOS NO MESMO RUMA VIA URNA ELETRÔNICA.

    Curtir

  10. Valdeci dos santos

    Pelo que se vê, David José Vallenilla, para conseguir fazer o mundo ver o que ocorreu com seu filho, chamou de amigo o Nicolás Maduro. Se criticasse como inimigo morreria também. Isso era o sonho do PT para o Brasil.

    Curtir