Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ofensivas militares e ataques talibãs causam 47 mortes no Afeganistão

Cabul, 27 jun (EFE).- Em um dia de intenso confronto entre as forças afegãs e insurgentes, dez policiais morreram em três ataques realizados em diferentes pontos do país, enquanto 37 integrantes do Talibã foram mortos em ofensivas do exército, informaram nesta quarta-feira fontes oficiais.

Segundo o governo provincial, o ataque mais recente ocorreu no distrito de Moussa Qala, na província meridional de Helmand, onde quatro agentes morreram após a explosão de uma bomba artesanal. Pouco antes, outra explosão, registrada na cidade nortista de Kunduz, matou dois policiais e deixou três feridos, embora um porta-voz talibã tenha elevado o número de mortos para sete.

O terceiro incidente foi registrado na noite de ontem na província ocidental de Herat, onde insurgentes armados atacaram uma patrulha policial e mataram quatro integrantes das forças afegãs, segundo um porta-voz deste corpo.

As bombas artesanais colocadas nas estradas aparecem como um dos métodos mais utilizados pelos talibãs em sua luta para derrubar o governo afegão e forçar a saída das tropas estrangeiras do país.

O Ministério do Interior do Afeganistão, por outro lado, anunciou hoje que 37 supostos integrantes do Talibã morreram e outros 14 ficaram feridos em ofensivas das forças afegãs. EFE

fpw-igb/fk