Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Observadores kuwaitianos ficam feridos em ataque de manifestantes na Síria

Cairo, 10 jan (EFE).- Ao menos dois militares kuwaitianos, membros da missão de observadores da Liga Árabe na Síria, ficaram levemente feridos nesta terça-feira ao serem atacados por manifestantes, segundo a agência oficial de notícias do Kuwait, ‘Kuna’.

A agência, que cita um comunicado do Exército kuwaitiano, aponta que vários manifestantes agrediram um grupo de observadores árabes e feriram dois deles, sem detalhar o local exato onde o incidente teria acontecido.

Os dois kuwaitianos foram levados a um hospital para receber assistência e já receberam alta.

Além disso, a ‘Kuna’ indica que na segunda-feira um grupo de observadores, que incluía enviados do Kuwait, Emirados Árabes Unidos, Iraque, Marrocos e Argélia, foi atacado na cidade de Latakia.

No dia 8 de janeiro o Exército kuwaitiano anunciou o envio de vários de seus soldados à Síria para se unirem à delegação da Liga Árabe encarregada de comprovar o cumprimento de sua iniciativa para encontrar uma saída à crise no país.

Atualmente, há na Síria 165 observadores árabes, cujo número aumentará para 200 no final desta semana.

No último domingo, o grupo de contato da Liga Árabe, liderado pelo Catar, decidiu dar mais tempo à missão e aumentar o número de efetivos e da ajuda à delegação. EFE