Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Obama declara apoio a Macron em eleição presidencial da França

Em vídeo, o ex-presidente dos Estados Unidos disse acreditar que o candidato centrista "apela às esperanças das pessoas, não a seus medos"

O ex-presidente americano Barack Obama declarou seu apoio ao candidato centrista Emmanuel Macron nas eleições presidenciais da França, em um vídeo divulgado nesta quinta-feira. O adversário de Marine Le Pen publicou a mensagem do democrata nas redes sociais, a três dias do segundo turno do pleito.

Obama, que manteve uma conversa telefônica com o candidato do movimento En Marche! pouco antes do primeiro turno, explica no vídeo que “sempre sentiu gratidão pela amizade do povo francês e pelo trabalho realizado em conjunto” quando era chefe de Estado. “Quero que saibam que apoio Emmanuel Macron”, diz em inglês o ex-presidente. Segundo Obama, Macron “defendeu valores liberais” e “apela às esperanças das pessoas, não a seus medos”.

 

O democrata comenta ainda que “não tem a intenção de se envolver em muitas eleições”, agora que deixou a vida política, mas decidiu se manifestar porque “a eleição da França é muito importante para todo o mundo”.

O apoio de Obama a um candidato estrangeiro não é usual na política americana, nem entre outros líderes internacionais. Ainda assim, tomar posição em pleitos do exterior se tornou mais comum nos últimos meses, com o sucesso de candidatos de extrema direita (caso de Marine Le Pen) ou de políticos que fogem do tradicional, como o atual presidente americano Donald Trump.

(Com AFP)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Wilson A. Zamignani

    #ENDIREITABRASIL – A ESQUERDA PODRE SE UNINDO….

    Curtir

  2. Se Obama declarou apoio à Macron, eu declaro apoio a Le Pen!

    Curtir

  3. Breno Diniz Lima

    Agora que o Macron não vai ganhar mesmo.

    Curtir

  4. Mauro Eduardo Sales

    Xiii!!! Agora, então, é que o moleque vai se ferrar mesmo! Ora, se o eleitorado americano refutou o Obama e o obamismo (Hillary Clinton), que valor eleitoral teria o apelo deste idiota para os franceses?

    Curtir

  5. Robson La Luna Di Cola

    Para o Hollande, o Macron, o Hussein Obama, o terrorismo islâmico “faz parte do nosso cotidiano, temos que aceitar”.

    Curtir

  6. Suprassumo Top

    Tai o candidato que Veja (e a imprensa sustentada por Estatais e fundos de pensão) chama de ‘direita’…kkkkkk

    Curtir

  7. Ronaldo Serna Quinto

    Mais um motivo pra correr desse candidato!!!

    Curtir

  8. Mendes Mendes

    Egocêntrico ao extremo esta dando pitaco ate hj. Aposente-se.

    Curtir

  9. Odilon Moreira

    Macron vai ganhar . os franceses não são tão burros como quem apóia a besta de cabelo laranja , e Obama , afinal , é um gentleman , gente de outro nível , acima da burrice e estupidez reinante no Brasil e no restante do mundo .

    Curtir

  10. Gláucio Silva

    Uma pessoa que julga o pensamento contraditório dos outros como burrice e estupidez não pode ser digna de respeito. O respeito é uma reciprocidade e não apenas um direito unilateral e/ou de um grupo minoritário fanático partidário. Não aguentamos mais essa esquerda retrógrada.

    Curtir