Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Obama conta que chorou quando a filha foi para a faculdade

Malia Obama começou seu curso na Universidade Harvard em agosto

O ex-presidente dos Estados Unidos Barack Obama contou que chorou após deixar sua filha mais velha, Malia Obama, em seu primeiro dia na faculdade em agosto. Foi “um pouco como ter o coração aberto numa cirurgia”, disse o americano durante um evento em Delaware na segunda-feira.

“Fiquei orgulhoso por não ter chorado na frente dela”, disse. “Mas na volta para casa, o Serviço Secreto estava distraído, olhando para a frente. Fingindo que não estavam me ouvindo, eu funguei e assoei o nariz. Foi difícil.”

Obama participava de um evento na Fundação Beau Biden, que homenageia o filho do ex-vice-presidente Joe Biden, que faleceu de câncer em 2015. “Para nós que temos filhas, acontece tudo muito rápido”, comentou o ex-presidente. “E é uma lembrança de que ao final de nossas vidas, não importa o que mais tenhamos conquistado, aquilo que vamos lembrar serão as alegrias que nossos filhos e, espero, mais tarde, nossos netos nos trouxeram”, completou.

Em agosto, Barack e Michelle Obama acompanharam sua filha de 19 anos durante sua mudança para o câmpus da Universidade Harvard, em Boston, nos Estados Unidos. A família foi escoltada pelo Serviço Secreto americano. O presidente e sua mulher também estudaram em Harvard.

Malia se formou no ensino médio em junho do ano passado, mas decidiu tirar um ano sabático antes de iniciar a faculdade. A jovem fez um estágio na produtora de cinema e televisiva Weinstein Co. e viajou com os pais e a irmã mais nova, Sasha, de 16 anos, durante o período.