Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘O ‘bin Laden’ do vídeo é o meu vizinho’, diz paquistanês

Uma semana depois da morte do terrorista, surgem teorias conspiratórias e absurdas

Apesar de a própria Al Qaeda ter declarado que perdeu seu líder uma semana atrás, ainda há gente no mundo islâmico que insiste nas versões alternativas da história – que dão conta, por exemplo, de que Osama bin Laden já estava morto, ou de que os vídeos divulgados no fim de semana pelo governo americano não são do terrorista.

A versão mais curiosa veio de um morador de Abbottabad, a cidade onde bin Laden foi morto. O homem afirma que a figura frágil e de barba branca que aparece em um vídeo divulgado pela Casa Branca e foi identificada como bin Laden é, na verdade, seu vizinho. Ele não está sozinho na desconfiança: entre 50 moradores do local entrevistados pela equipe da rede britânica BBC, apenas um acredita que o homem do vídeo seja o terrorista.

Já o governo fundamentalista do Irã insiste em negar a morte do líder da Al Qaeda por tropas dos EUA, dizendo que bin Laden já havia sido levado deste mundo por causas naturais. “Temos informação fidedigna de que bin Laden morreu há muito tempo por causa de uma doença”, alegou nesta segunda-feira o ministro iraniano de Inteligência, Heydar Moslehí. “Se os grupos de segurança e de inteligência americanos, de fato, prenderam ou mataram bin Laden, porque não mostrariam o cadáver? Por que o jogariam ao mar?”, indagou em mais uma teoria conspiratória.