Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Na Rio+20, Venezuela denuncia articulação de ‘golpe de Estado’ no Paraguai

Rio de Janeiro, 22 jun (EFE).- A Venezuela denunciou nesta sexta-feira no plenário da Rio+20 que ‘se trama um golpe de Estado’ no Paraguai e pediu aos 193 países representados na conferência que manifestem solidariedade ao presidente Fernando Lugo.

‘Não podemos nos calar. Convido todos os países presentes a expressar-lhe nosso apoio ao governo democrático de Fernando Lugo, cujo mandato foi outorgado pelo voto do povo que o elegeu’, declarou a negociadora-chefe da delegação venezuelana na Rio+20, Claudia Salerno.

A diplomata cumprimentou a solidariedade já manifestada pela União de Nações Sul-americanas (Unasul), que enviou a Assunção uma delegação de chanceleres liderada pelo Brasil, assim como a de outros países da América Latina.

Começou nesta sexta-feira no Senado paraguaio o julgamento político para o impeachment de Lugo, acusado de mau desempenho de suas funções pelo confronto entre policiais e camponeses em uma fazenda no último dia 15, que deixou 17 mortos.

Em sua defesa, o assessor jurídico da Presidência paraguaia, Emilio Camacho, pediu a anulação do processo contra o líder.

Segundo o regulamento aprovado na quinta-feira pelo Senado, a sentença será emitida ainda nesta sexta-feira e terá caráter inapelável. EFE