Mulher e filhas são esfaqueadas por usarem “shorts e camiseta”

A mãe e as três filhas foram atacadas por um desconhecido quando passavam férias em um resort na França

Autoridades do sul da França detiveram um homem acusado de esfaquear uma mulher e suas três filhas em um resort nos alpes da França, após se enfurecer com as roupas que elas vestiam. O autor do ataque, identificado como o marroquino Mohamed B., de 37 anos, foi preso enquanto tentava fugir, nesta terça-feira.

A mãe e as meninas de 8, 12 e 14 anos passavam as férias juntas quando foram atacadas pelo homem, que não tinha nenhuma ligação com a família. Ele teria se revoltado porque as crianças e a mulher vestiam shorts e camisetas, afirmou Jean-Marc Duprat, vice-prefeito da cidade de Laragne-Montéglin.

Leia também:
Três pessoas morrem em tiroteio na Inglaterra
Homem ataca passageiros com machado em trem na Alemanha

Segundo a imprensa local, a caçula teve um pulmão perfurado e foi levada de helicóptero a um hospital na cidade de Grenoble, enquanto a mulher e as outras filhas eram tratadas nas proximidades do resort. Embora os ferimentos sejam graves, todas estão fora de perigo.

A emissora de TV francesa TF1 afirmou que o homem parece ter agido com “motivações religiosas”, de acordo com testemunhas, mas os promotores do caso não confirmaram os detalhes. Ele conheceu a família um dia antes do ataque e estava hospedado no mesmo hotel das vítimas, no quarto ao lado.

(Com Estadão Conteúdo)

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Cesar8002UTB

    Nem precisava ler o artigo para saber do que se tratava.

    Curtir

  2. Tadeu Giatti

    Infelizmente, essa religião do terror e ódio (islamismo) têm muitos seguidores que, vindo ao Ocidente como convidados, não aceitam nosso modo de vida. O melhor para eles é voltar o quanto antes para suas terras do Oriente, onde impera o horror, ódio, morte e lutas fratricidas. Deixem-nos em paz. Nós não precisamos de vocês, islâmicos, vocês, sim…

    Curtir

  3. Frederico Corvalan

    Voltem para seu país de origem. Se não nos respeitam não são bem vindos!

    Curtir

  4. O cara é imigrante e por motivo religioso decide matar mulher e crianças inocentes? Volta para o inferno de onde você veio! Covarde hipócrita

    Curtir

  5. Iara Aganetti

    A maquiagem de religião boazinha precisa ser analisada, pois mulheres e crianças são subjugadas aos nossos olhos sem o respeito e liberdade devida.

    Curtir

  6. Roberto Flores Martins

    A religião muçulmana é uma religião violenta e induz seus crentes a violência, ao assassinato de infiéis , o assassinato de homossexuais, que segundo o Alcorão devem ser lançados de lugares altos e por isso aplicam esta violência mesmo sendo acolhidos pelos países europeus. `Islamismo precisa urgentemente passar por uma Reforma como passou o Cristianismo no Séc. XVI.

    Curtir

  7. bobpeh2 brasil sempre

    A França precisa começar a erradicar todo e qualquer muçulmano de seu território, pois sem saber qual o tolerante ou não……é melhor prevenir do que isso que aconteceu e irá acontecer com cidadão inocentes. Infelizmente o Islã está se colocando nesta condição perante o ocidente, sejam radicais da Sharia ou não. Vejam as atitudes do Erdogan da Turquia. Agora não posso recriminar Israel de mantê-los sob estrita vigilância, a todos, indiscriminadamente. Não se sabe quem está ou não com o movimento radical….

    Curtir

  8. Fernando holanda

    Isso é o alcorão na mente dele, a França é a nova Eurabia

    Curtir

  9. Fernando holanda

    a França é a nova Eurabia

    Curtir