Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Morre na China o urso panda mais velho do mundo

Pan Pan, também conhecido como "vovô Panda", tinha 31 anos e sofria de câncer

O urso panda macho mais velho do mundo morreu nesta quarta-feira, na China. Pan Pan ou “Vovô Panda”, como era conhecido, tinha 31 anos e sofria de câncer, segundo informações da agência oficial chinesa Xinhua.

Pan Pan vivia no Centro de Conservação e Pesquisas de Pandas Gigantes, uma espécie de “asilo” para ursos, na cidade chinesa de Dujiangyan. Em outubro, morreu em Hong Kong a recordista de toda a espécie, a fêmea Jia Jia, aos 38 anos.

Pandas costumam viver cerca de 20 anos, mas aqueles que vivem no “asilo” em Dujiangyan têm conseguido se aproximar dos 30. Cerca de 140 dos ursos que vivem por lá (um quarto do total) são descendentes de Pan Pan.

Por causa do baixo índice de natalidade dos ursos pandas, os programas de reprodução em cativeiro são fundamentais para garantir a sobrevivência da espécie. Atualmente, há 1.800 pandas vivendo na selva e 400 em cativeiro, no mundo.