Jovem é preso por planejar atentado com ‘canguru-bomba’ na Austrália

Um adolescente australiano de 19 anos foi detido pela polícia por planejar um atentado inusitado: colocar explosivos em um canguru para explodi-lo durante uma comemoração militar. Sevdet Besim foi preso em abril, mas seu plano delirante só foi revelado nesta quinta-feira pelo jornal britânico The Telegraph.

Seu objetivo era detonar o ‘canguru-bomba’ em Melbourne no dia 25 de abril, durante as comemorações em homenagem aos soldados australianos mortos em guerras. Besim discutiu, via internet, seu plano com um adolescente britânico de 14 anos. De acordo com a Justiça australiana, Besim escreveu que “gostaria de matar alguns policiais”. O texto da promotoria prossegue informando que “Besim sugere que um canguru poderia ser embalado com explosivo C4, pintado com o símbolo do Estado Islâmico (EI) e solto em policiais”.

Leia também

Menino de 14 anos é acusado de atividade terrorista

Ministro australiano chama jornalista de ‘bruxa louca’

Besim está preso por planejar um atentado terrorista e aguarda seu julgamento na Austrália. O adolescente britânico, que não teve seu nome divulgado por ser menor, também foi detido. A Austrália e a Grã-Bretanha integram a coalizão internacional que combate os jihadistas do EI no Iraque e na Síria.

(Da redação)