Incêndio em hospital mata 21 na Coreia na Sul

Entre as vítimas estão uma enfermeira e 20 idosos

Um incêndio em um hospital na província de Janseong, a cerca de 300 quilômetros de Seul, na Coreia do Sul, provocou a morte de 21 pessoas e deixou outra sete feridas.

Segundo a rede britânica BBC, entre os mortos estão uma enfermeira e vinte pacientes com idades entre 70 e 80 anos. Os idosos estavam imobilizados em leitos quando o hospital Hyosarang pegou fogo. A causa do incêndio, que aconteceu por volta de 0h30 no horário local (12h30 de terça-feira no horário de Brasília) ainda é desconhecida.

Leia também:

Coreia do Sul dá tiros de advertência para navios do Norte que cruzavam a fronteira

Coreia do Norte faz disparos perto de navio militar sul-coreano

Ex-namorada “fuzilada” de Kim Jong-un reaparece na TV norte-coreana

De acordo com as autoridades, a maior parte da vítima morreu de intoxicação. O incêndio foi controlado depois de meia hora.

Esta nova tragédia na Coreia do Sul ocorre pouco mais de dois meses depois do naufrágio da balsa Sewol, que provocou a morte de mais de cerca de 300 pessoas, a maior parte delas estudantes. Logo depois do naufrágio, o então primeiro-ministro renunciou por causa da resposta lenta do governo diante da tragédia.

O fogo também ocorre um dia após o incêndio de um terminal rodoviário na cidade de Goyang, no norte do país, que fez sete pessoas e deixou vinte feridos.