Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Incêndio em depósito deixa nove mortos em Buenos Aires

Bombeiros e outros funcionários de equipes emergência foram soterrados após uma parede desabar. Outras sete pessoas foram internadas em estado grave

O desabamento de um depósito em decorrência de um incêndio deixou pelo menos nove mortos em Buenos Aires nesta quarta-feira. As vítimas faziam parte da equipe de bombeiros e da defesa civil. Outras sete pessoas foram internadas em estado grave. O governo decretou dois dias de luto nacional.

O acidente ocorreu no bairro de Barracas, sudeste da capital argentina. O fogo atingiu um depósito da empresa Iron Mountain, especializada em armazenar arquivos, e teve início pela manhã. As labaredas rapidamente tomaram conta do local e provocaram o desmoronamento de uma parede sobre os brigadistas. De acordo com o secretário de Segurança, Sergio Berni, seis bombeiros, dois agentes da defesa civil e um bombeiro voluntário morreram.

Leia também:

Número de mortos em explosão de prédio na Argentina chega a 21

Berni destacou que as autoridades portenhas seguem buscando soterrados, uma vez que duas pessoas de uma brigada de incêndio da própria empresa ainda não foram localizadas. Os desaparecidos estariam perto dos bombeiros, que tentavam derrubar um portão quando uma parede de sete metros de altura veio abaixo, informou o jornal Clarín. Outras três paredes também desabaram, o que dificultou ainda mais os trabalhos de resgate no local.

De acordo com o responsável pelo Sistema de Atenção Médica de Emergências, Alberto Crescenti, os feridos também eram membros das equipes de resgate que sofreram politraumatismos.

Ele também enviou condolências às famílias dos que morreram no acidente – a maioria morreu no local. “Nós acabamos nos deparando com muitos corpos cobertos por escombros, com lesões gravíssimas. Hoje é um dia muito difícil”, disse.