Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Igreja católica reabre caso de abuso sexual

Às vésperas da chegada do papa Bento XVI ao país, a Igreja católica da Austrália reabriu um caso de abuso sexual envolvendo um padre de Sidney, informaram as agências internacionais nesta sexta-feira. A investigação é referente a uma denúncia feita por Anthony Jones, há 25 anos, que teria sido abusado pelo religioso. Na ocasião, o chefe da Igreja Católica local, o cardeal George Pell (foto) foi acusado de encobrir as denúncias, mentindo para qualquer pessoa que o procurava para delatar os abusos cometidos por padres.

As vítimas do crime querem que o papa peça desculpas publicamente durante a sua visita para o Dia Mundial da Juventude, que será comemorado entre 15 e 20 de julho. Segundo o Broken Rites, grupo que representa as vítimas de abuso na Austrália, há uma lista de 107 condenações de abuso sexual contra membros da Igreja.