Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Explosão e tiroteio em instalações do partido no poder em Aleppo, na Síria

Uma forte explosão seguida de tiroteio foram registrados nesta sexta-feira à noite em frente às instalações do partido governista em Aleppo, Síria, causando a morte de uma pessoa, informou o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH).

“A explosão foi potente, mas não sabemos qual é sua origem”, declarou à AFP Rami Abdel Rahmane, presidente do OSDH.

“Podemos confirmar que um agente de segurança do partido Baath morreu, não pela explosão, mas pelo que aconteceu depois, quando homens armados dispararam contra as instalações do partido”, informou.

O militante local Mohammed al-Halabi disse que é provável que a explosão, ocorrida à noite, tenha sido provocada por uma “bomba”.

Anteriormente, a televisão estatal tinha anunciado que as autoridades sírias haviam impedido um atentado suicida nesta mesma cidade de Aleppo (norte), a segunda do país.

Na quinta-feira em Damasco, a explosão de dois veículos com “mais de uma tonelada de explosivos”, segundo o governo, deixou 55 mortos e várias centenas de feridos.

O regime e a rebelião se acusaram mutuamente por este duplo atentado.

Os episódios de violência na Síria causaram mais de 12 mil mortos desde o início da rebelião contra o regime em março de 2011, em sua maioria, civis mortos na repressão, segundo o OSDH.