Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Doze crianças morrem em ataque russo contra escola na Síria

Atualizado às 14h10

Pelo menos doze alunos, uma professora e outros dois adultos morreram nesta segunda-feira em um ataque da aviação russa contra uma escola situada em uma localidade síria rebelde na província de Aleppo, afirmou o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH). De acordo com a ONG baseada em Londres e que monitora a guerra civil síria por meio de uma vasta rede de fontes, o ataque aconteceu na cidade de Anjara, localizada em uma região que é palco de violentos combates entre as forças do regime do ditador sírio Bashar Assad, apoiadas pela aviação russa, e os rebeldes.

Além disso, três crianças foram mortas por foguetes disparados por rebeldes contrários ao ditador Assad em Achrafiye, um bairro do norte da cidade de Aleppo, sob controle do governo, informou a agência de notícias oficial síria Sana.

Leia também

Crise entre Irã e Arábia Saudita não afetará negociações sobre a Síria, diz ONU

Bombardeio contra centro dos Médicos Sem Fronteiras mata 4 no Iêmen

A guerra na Síria foi desencadeada pela repressão de manifestações pacíficas exigindo reformas do regime de Assad. O conflito ganhou contornos mais complexos com o envolvimento de grupos jihadistas e grandes potências. Mais de 260.000 pessoas morreram em quase cinco anos de conflito e milhões foram obrigadas a fugir de suas casas.

(Da redação)