Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Caixões chegam à prisão e sinalizam que execuções estão próximas

Ambulâncias levando caixões chegaram na ilha penitenciária de Nusakambangan, na Indonésia, nesta terça-feira, em mais um indício de que a execução do brasileiro Rodrigo Gularte e outros oito estrangeiros está próxima. As famílias também puderam se despedir dos presos condenados à pena capital por tráfico de drogas, em outro sinal de que as execuções vão mesmo acontecer, apesar de um protesto internacional. Segundo a imprensa local, as execuções devem ocorrer por volta da meia-noite de quarta-feira na Indonésia (por volta de 14h00 desta terça no horário de Brasília).

Leia também

Parentes de condenados à morte na Indonésia fazem última visita aos réus

Austrália pede investigação sobre corrupção no julgamento de condenados à morte

Defesa de brasileiro tenta último apelo contra execução na Indonésia

Os noves detentos foram avisados no último sábado que seriam executados por um pelotão de fuzilamento, o que levou uma grande movimentação de clemência por parte dos líderes de seus países. Entre os condenados, além do brasileiro, estão dois australianos, quatro nigerianos, um indonésio e uma mulher filipina.”Todos os funcionários, promotores, pelotões de fuzilamento e ambulâncias já estão no local, por isso achamos que as execuções estão cada vez mais próximas”, disse Tony Spontana, porta-voz do procurador-geral da Indonésia.

(Da redação)