Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Brasileiro foragido que usava identidade de criança morta é preso na Espanha

Santa Cruz de Tenerife (Espanha), 15 jun (EFE).- Um cidadão brasileiro que usava a identidade de uma criança falecida para confundir as autoridades foi detido nas Ilhas Canárias, na Espanha, onde reside há 11 anos.

O detido, identificado com as iniciais R.C., de 47 anos, foi condenado a 35 anos de prisão no Brasil por crimes contra o patrimônio e tráfico de drogas, e, após cumprir dez anos, obteve o direito de cumprir o restante da pena em regime aberto, o que acabou facilitando sua fuga.

Segundo informou a polícia espanhola, R.C. roubou em 2003 a identidade de uma criança morta e se mudou para a ilha canária de Tenerife, onde obteve o visto de residência de longa duração e permaneceu escondido.

A autoridade judicial mantém o acusado em um centro de detenção para estrangeiros, à espera de colocá-lo à disposição das autoridades brasileiras, detalhou a polícia espanhola em comunicado. EFE

rdg/rsd