Álvaro Dias: "com Dilma, Brasil terá 4 anos de fim de festa"

Em entrevista exclusiva à TVEJA, o senador Álvaro Dias, do PSDB do Paraná, denuncia o crescimento das dívidas externa e interna brasileiras. Ao contrário do que afirma o governo, a dívida externa não foi paga e a interna disparou. E mais. A gestão petista fez empréstimos secretos para Cuba e Angola, informações que estão debaixo do tapete, além de perdoar dívidas de países com regimes ditatoriais. Parte desse dinheiro financia a corrupção. O senador ainda falou da relação promíscua entre governo e Congresso e dos desafios de ser governista, caso Aécio seja eleito.

Por veja.com - Atualizado em