Comidinhas
* Preços coletados até julho de 2005
 
O melhor cachorro-quente O melhor salgado
A melhor cafeteria O melhor sanduíche
A melhor casa de chá A melhor sopa
O melhor doce

O melhor sorvete

O melhor pão O melhor suco
O melhor pastel 

 

Veja também

Conheça os jurados
Quadro: Como eles votaram

 

O melhor cachorro-quente

Au-Au

Receita tradicional ganha versão light: salsicha de peru e maionese light

A casa, que foi recentemente ampliada para acomodar mais clientes e mais carros no estacionamento, mereceria um prêmio hors-concours pelo seu histórico nas eleições promovidas por VEJA Curitiba. Desde 1999, quando sua categoria foi criada, conquista o título de o melhor cachorro-quente da cidade. Não é à toa que o lanche continua como o carro-chefe da casa, mesmo com um cardápio que oferece hambúrgueres, sanduíches e vários tipos de salada. Entre as nove opções à escolha do cliente, um dos campeões de venda é o duplo, com duas salsichas e salada de vinagrete em pão especial, a R$ 3,70. Há também opções de sanduíche prensado, como o que leva pão, salsicha, maionese, milho, tomate, frango desfiado e cheddar ou catupiry, a R$ 4,90. Todos os lanches têm uma versão light, com salsicha de peru e maionese light. Para acompanhar os lanches, uma sugestão são os sucos naturais, como o de clorofila com abacaxi, que custa R$ 2,60 (300 mililitros). A casa foi recentemente ampliada para acomodar mais clientes e carros no estacionamento. Os tradicionais carrinhos de cachorro-quente na frente da loja garantem um atendimento rápido para quem não quer sair do carro, numa espécie de drive-thru em versão saudosista.

Alameda Doutor Carlos de Carvalho, 1000, Batel, 3225-3877. 11h/0h30 (dom. a qui.); e 11h/1h30 (sex. e sáb.). Cc.: D e M. Cd.: M. T.: todos (aceita SodexhoPass e Abrapetite). Estac. Ar. Entrega em domicílio (0800 6450085). Aberto em 1970.

 

A melhor cafeteria

Lucca Cafés Especiais

Cafés especiais: cuidados desde a origem e a moagem do grão à apresentação da bebida ao cliente

A cafeteria eleita pelos jurados de VEJA Curitiba como a melhor da cidade tem quatro lojas na capital, uma franquia na Bahia e vários estabelecimentos que servem os cafés da marca. A responsável pelo preparo dos grãos – desde a moagem até a mistura das variedades para fazer o blend – é a proprietária da casa, Geórgia Franco de Souza. Formada em engenharia, Geórgia decidiu retomar uma tradição de sua família, que cultivava café: estudou o preparo da bebida nos Estados Unidos, na Suécia e na Itália e tornou-se barista. Sua arte é utilizada no preparo do pó, que pode ser adquirido para ser feito em casa pelos clientes, e das 35 opções de bebidas feitas com café. Uma das novidades é a Universidade Lucca do Café, fundada pela casa para difundir a cultura da bebida entre os clientes. O curso custa 40 reais e ensina desde o preparo até a degustação da bebida. Os alunos recebem de brinde um pacote de 200 gramas de café da casa ao final das aulas. Para quem preferir provar as bebidas preparadas na própria loja, uma das sugestões é o cappuccino, que segue a receita tradicional italiana e é preparado apenas com expresso e leite, R$ 3,80. Entre as opções de drinques, o destaque é o french kiss, expresso duplo com leite vaporizado, caramelo e licor de chocolate, R$ 8,00. O caramel mocha é uma versão gelada, preparada com expresso, leite, caramelo, chantilly, chocolate belga e gelo, R$ 5,80. Os quitutes que acompanham a grande estrela da casa têm receitas escolhidas também por Geórgia. A quiche lorraine custa R$ 4,00 e a torta trufada de chocolate, R$ 3,70. Outra inovação em breve disponível em todas as lojas da marca é a disponibilidade de conexão à internet sem fio aos clientes.

Avenida Batel, 1442, Batel, 3342-9243. 11h/20h (seg. a qui.); 11h/0h (sex. e sáb.); e 14h/20h (dom.). Cc.: D, M e V. Cd.: M, R e V. Estac. Ar. Entrega em domicílio. Shopping Curitiba, piso L2, Praça Curitiba, 3016-0501. 10h/22h (seg. a dom.). Cc.: D, M e V. Cd.: M, R e V. Estac. Ar. Entrega em domicílio. Rua Augusto Stresser, 318, Juvevê, 3018-1088. 9h/21h (seg. a dom.). Cc.: D, M e V. Cd.: M, R e V. Entrega em domicílio. Rua Padre Anchieta, 2001, Bigorrilho, 3016-5006. 8h/20h (seg. a dom.). Cc.: D, M e V. Cd.: M, R e V. Entrega em domicílio. www.luccacafesespeciais.com.br. Aberto em 2002.

 

A melhor casa de chá

No Kafe Fest

Especialidade da casa: café colonial com mais de cinqüenta itens

Eleito pelo júri de VEJA Curitiba a melhor casa de chá da capital, o estabelecimento funciona em anexo ao Solar do Rosário, misto de galeria e escola de arte, no centro histórico curitibano. Além da localização, a equipe experiente é um destaque da casa, que tem quatro funcionárias que ali trabalham desde a sua inauguração. Sob a supervisão da proprietária, Dorothea Richter, elas preparam os mais de cinqüenta itens que compõem o bufê de café colonial. São empadões, tortas, suflês, quiches, sopas, pães, geléias, doces caseiros e o strudel de maçã austríaco, que Dorothea aprendeu a preparar em família, acompanhados por suco de laranja, dez tipos de chá, café e chocolate, a R$ 15,00 por pessoa. O chá de laranja é uma das especialidades da casa e leva suco da fruta e especiarias. No horário do almoço, há a opção de bufê por quilo; durante a semana, o preço é de R$ 16,90. Aos domingos, custa R$ 23,90 o quilo e inclui pratos como paella, bacalhau e barreado.

Rua Duque de Caxias, 4, São Francisco, 3223-9534. 11h30/14h30 (dom.); 11h30/14h (seg.); 11h30/ 14h e 16h/20h30 (ter. a sex.); e 16h/20h30 (sáb.). Cd.: todos. Cr.: T e V. T.: todos. Aberto em 1993.

 

O melhor doce

Confeitaria Lancaster

Vitrine variada: receitas tradicionais e sofisticadas conquistam a atenção

Os jurados de VEJA Curitiba escolheram a casa como o lugar onde se degusta o melhor doce da capital. Com 33 anos de história, a confeitaria oferece quitutes já tradicionais, como o madrileño, de massa folhada com recheio de doce de leite e suspiro, R$ 4,00 a unidade, ou a torta marta rocha, de pão-de-ló branco e preto, pêssego, nozes, creme de ovos, suspiro e fios de ovos, R$ 35,00 o quilo. A casa oferece também duas opções de café colonial. O completo vem com doze itens, entre pães, doces, geléias e folhados, e custa R$ 14,40. O completo especial, com quinze itens, acompanha frutas, petits-fours e minimistos, R$ 18,50. A casa aceita encomendas para bolos de casamento e, na parte de trás, funciona como um restaurante. No cardápio, tem pratos variados, com destaque para as massas de fabricação própria.

Praça Zacarias, 68, centro, 3222-9543. 9h/19h (seg. a sáb.); e 12h/18h (dom.). Cc.: todos. Cd.: todos. T.: todos. Entrega em domicílio. (3322-2500). Também nos shoppings Crystal Plaza e Müeller. Cc.: todos. Cd.: todos. T.: todos. Entrega em domicílio. www.confeitarialancaster.com.br. Aberto em 1973.

 

O melhor pão

Padaria América

Tradição em família: administração e receitas especiais passadas de pai para filho

Uma das mais antigas padarias da cidade, foi escolhida pelos jurados de VEJA Curitiba como a que oferece o melhor pão aos clientes. Vencedora de quatro edições passadas, a panificadora destaca-se pela conservação de suas receitas e técnicas de preparo em seus mais de noventa anos de história. A loja foi inaugurada por Eduardo Engelhardt e hoje é administrada pela quarta geração da família. São 180 itens fabricados na própria loja, e a especialidade são as broas, encontradas em quinze variedades diferentes. Centeio, integral, nove grãos, linhaça e diet são alguns dos tipos, cujos preços variam de R$ 3,80 a R$ 4,50. Outra receita clássica é o schnecke, pão doce com recheios variados em formato de caracol, entre R$ 1,00 e R$ 2,50. Uma nova linha de pães assinada por famosos chefs na cidade é um dos lançamentos. A criação do chef Francisco Minolli, por exemplo, é uma baguete recheada com sal grosso, uva-passa e alecrim, a R$ 15,20 o quilo.

Rua Presidente Carlos Cavalcanti, 942, Sâo Francisco, 3323-1099 e 3233-1871. 9h/20h (seg. a sex.); e 8h30/20h (sáb.). Cd.: R e V. Estac. Avenida Estados Unidos, 412, Bacacheri, 3257-4703. 9h/20h (seg. a sex.); e 8h30/20h (sáb.). Estac. Rua Coronel Dulcídio, 1822, Água Verde, 3342-3531. 9h/19h (seg. a sex.); e 8h30/19h (sáb.). Estac. www.americapadaria.com.br. Aberto em 1913.

 

O melhor pastel

10 Pastéis

Pastéis para fome de todos os tamanhos: do lanchinho à refeição

A massa sequinha é um dos segredos do pastel eleito pelo júri de VEJA Curitiba como o melhor da cidade. Em tamanhos variados, os pastéis da casa servem para um lanche rápido ou mesmo para uma refeição. O maior deles tem 20 centímetros de comprimento, muito bem recheados. Os 21 tipos de pastéis salgados e as sete variedades doces têm preços entre R$ 2,20 e R$ 5,90. Uma das sugestões é o de camarão com palmito em pedaços e requeijão, a R$ 5,90. Entre as opções doces, há desde o romeu-e-julieta até o recheado de morangos em calda e chocolate. Para quem quer inventar novas opções, as lojas oferecem massa, na versão tradicional e na de chocolate. O sucesso da rede, nascida em Maringá, determinou a abertura da fábrica em Curitiba e das dezenove lojas na capital, algumas em que é possível também optar por refeições e porções.

Rua Itacolomi, 292, Praça de Alimentação, Shopping Total, Portão, 3025-7290. 10h/22h (seg. a sáb.); e 14h/20h (dom.). T.: todos. Estac. Ar. Mais dezoito lojas na cidade www.10pasteis.com.br. Aberto em 1962.

 

O melhor salgado

Caruso

Oito décadas de qualidade: empadas com receita especial

Dedicada à fabricação de empadinhas com massa folhada desde a década de 1920, a família Caruso abriu a primeira loja em 1954, sob o comando de Antônio e Enrico Caruso, respectivamente avô e pai de Sylvana, a atual responsável pelos quitutes da casa. Recentemente formada pelo Centro Europeu como chef de cozinha, ela mantém as receitas tradicionais, hoje vendidas em três versões: frango, palmito e especial, com camarão e palmito, de R$ 3,00 a R$ 4,20. A tradição e a qualidade da casa, agora também em novos endereços, num sistema de licenciamento, levaram-na a ser eleita pelo júri de VEJA Curitiba como a que oferece o melhor salgado da capital. A matriz, na Rua Visconde do Rio Branco, serve pratos tradicionais no almoço. Às quartas e aos sábados, o cardápio traz feijoada, R$ 11,00 e R$ 13,00 por pessoa. Às sextas, o prato é o barreado, a R$ 10,00 por pessoa. Para sobremesa, são sugestões o strudel de maçã, a R$ 4,50, e os sonhos de nata, goiabada e doce de leite, entre R$ 3,00 e R$ 3,50.

Rua Visconde do Rio Branco, 877, centro, 3029-5411. 9h/19h30 (seg. a sex.); e 10h/18h (sáb.). Cd.: M, R e V. T.: todos. Estac. conveniado em frente. Também nos shoppings Curitiba, Crystal e ParkShopping Barigüi. Aberto em 1954.

 

O melhor sanduíche

Subway

Cada um faz o seu: lanches com ingredientes à escolha da clientela

A rede de fast-food americana é uma opção de refeição rápida que foge da junk food e oferece, segundo os jurados de VEJA Curitiba, o melhor sanduíche da cidade. O sucesso foi tanto que, um ano e meio depois da abertura do primeiro endereço, já há seis opções para os curitibanos. Presente em 83 países, a rede serve opções que, como destaca a publicidade da loja, podem equivaler a uma salada, tal a variedade de vegetais. Os clientes podem provar uma das 22 receitas do cardápio ou escolher os ingredientes de seu sanduíche em combinações quase infinitas. Os sanduíches são preparados em dois tamanhos: 15 centímetros, de R$ 6,25 a R$ 7,25, e 30 centímetros, de R$ 10,25 a R$ 11,25. Há seis opções de pão: branco, integral, parmesão, parmesão e orégano, gergelim e integral com granola. Uma das receitas mais pedidas é o de frango com teriyaki, com molho adocicado de cebola. A casa faz prato especial para festa, com quatro sanduíches cortados em doze pedaços, a R$ 35,64.

Rua Brigadeiro Franco, 1422, centro, 3322-6666. 11h30/23h30 (dom. a qui.); e 11h30/0h30 (sex. e sáb.). Cc.: D, M e V. Cd.: M, R e V. Cr.: S e T. T.: Tr e V (Sodex). Estac. Ar. Entrega em domicílio. (4002-5002). Também no ParkShopping Barigui, Shopping Mueller. T.: TrAvenida Munhoz da Rocha, 780, Cabral, 3013-5343. 11h30/23h30 (dom. a qui.); e 11h30/0h30 (sex. e sáb.). T.: Tr www.subwaybrasil.com Aberto em 2004.

 

A melhor sopa

Manjhericão

Mesas concorridas no inverno curitibano: bufê com dez tipos de sopa

A casa é disputadíssima no inverno. Forma-se uma fila no meio das mesas, já que não há reserva. Os jurados de VEJA Curitiba garantem que vale a espera: ali se encontra a melhor sopa da cidade. A cada dia, dez receitas são oferecidas no bufê, a R$ 13,50 por pessoa. Capeletti in brodo, frutos do mar, aipim, feijão, creme de aspargos e pinhão com carne são algumas das receitas mais famosas. Como acompanhamentos, há queijos, patês e pães. O cardápio ainda oferece uma grande opção de pratos, entre massas, peixes e carnes, servidos à la carte. Especialidades dos donos da casa, Keiki e Amélia, descendentes de japoneses, são os pratos quentes da culinária típica, como yakisoba, yakimeshi e teppan-yaki. Aos sábados, o almoço é especial, com feijoada e barreado, a R$ 20,00 por pessoa, preço que inclui sobremesa. O casarão em estilo antigo, com dois andares, ainda pode ser fechado para eventos.

Rua Doutor Alexandre Gutierrez, 741, Água Verde, 3242-0923. 19h/23h (seg. a sex.); 11h30/15h; e 19h/23h (sáb.). Cc.: D, M e V. Cd.: todos. Estac. conveniado ao lado. Entrega em domicílio. (3244-9330). Aberto em 1990.

 

O melhor sorvete

Fabiano Marcolini Pães e Doces

Sorvetes campeões: taças especiais são novidades a caminho

Consultor da centenária marca italiana Fabbri para a América Latina, o chef Fabiano Marcolini é um expert na confecção de sorvetes diferenciados. O cuidado na escolha dos ingredientes e no preparo rendeu à casa o reconhecimento dos jurados de VEJA Curitiba, que elegeram seu sorvete como o melhor da cidade. De um total de cinqüenta sabores possíveis, há disponíveis todos os dias 24 opções, com as presenças constantes dos requisitados baunilha, iogurte de maracujá, nocciola e cheesecake de fragola. A novidade da casa para o segundo semestre é a inclusão de seis tipos de taças especiais, desenvolvidas pelo próprio Marcolini. Para manter a surpresa, o chef revela apenas que uma delas levará iogurte e salada de frutas especial. O sorvete, entretanto, é uma das atrações da casa, que também foi lembrada pelos jurados quando se trata de melhor pão, melhor sopa e melhor doce. Neste ano, o misto de padaria, café e restaurante ganhou um menu especial, com duas ou três opções de pratos, entre sopas, massas e saladas diferentes para cada dia. As receitas são servidas a qualquer hora e podem ser degustadas na nova área externa, com mesinhas e guarda-sóis na calçada. A loja oferece trinta opções de pão especial, como a broa de mel com aveia, a R$ 4,80 por 360 gramas. O cardápio lista ainda extensa variedade de sanduíches, tortas, bolos, cafés, chás e salgados

Alameda Doutor Carlos de Carvalho, 1181, Batel, 3223-8085. 7h30/21h (seg.); 7h30/23h (ter. a sáb.); 8h/21h (dom. e feriados). Cd.: M, R e V. Estac. na Rua Coronel Dulcídio, 95. Aberto em 1986.

 

O melhor suco

Jungle Juice

Smoothies: os sucos densos que já fazem sucesso nos Estados Unidos e no Canadá

O proprietário, Alexandre Prosdócimo, trouxe dos dois anos em que viveu nos Estados Unidos e no Canadá a idéia de abrir uma casa especializada em smoothies, espécie de suco concentrado. A iniciativa foi aprovada: o suco oferecido pela casa foi eleito pelo segundo ano consecutivo pelo júri de VEJA Curitiba o melhor da cidade. Três anos depois da inauguração, apesar de ainda ser o carro-chefe do Jungle Juice, o smoothie divide espaço no cardápio com sucos tradicionais, sanduíches, grelhados, massas e, no período de inverno, sopas. Os clientes degustam as opções em mesas de madeira decoradas com um bonsai de palmeira, parte da decoração em estilo tropical da casa, que inclui até jibóias que cobrem um pedaço do teto. Atualmente, 40% do cardápio é orgânico, número que tende a aumentar, se depender do esforço do proprietário em oferecer opções saudáveis aos seus clientes. Uma das sugestões de smoothie é o fresh, com suco de maçã, framboesa, amora, banana e sorvete de maracujá, a R$ 4,90 (300 mililitros) e R$ 6,80 (500 mililitros). Outra especialidade é o açaí, servido em novas versões, como as acompanhadas de maçã, banana, sorvete de soja de coco e coco ralado, a R$ 5,50 a tigela com 300 mililitros. Como todas as receitas são feitas à base de soja, podem ser consumidas por pessoas com intolerância à lactose. Entre os acompanhamentos, há receitas baseadas na dieta de South Beach.

Avenida Vicente Machado, 1965, Batel, 3023-7060. 11h/22h (seg. a dom.) Cc.: D, M e V. Cd.: M, R e V. Cr.: S e T. T.: todos. Entrega em domicílio. www.junglejuice.com.br. Aberto em 2002.

 
voltar
Galeria de fotos
Vídeo:
56k | 100k | 200k