Consumo
Onde comprar as melhores bebidas da cidade
 

O mercado de bebidas cresce na cidade
com a ampliação das cartas de produtos
e o aumento de casas especializadas

Marina Mezzacappa

Foi-se o tempo em que o campineiro precisava ir a São Paulo para encontrar uma boa garrafa de vinho ou uma cachaça mineira de qualidade. Campinas vive o crescimento do número de lojas especializadas em bebidas finas – e, paralelamente, o aumento do consumo e da demanda por informações sobre esses produtos. Nos últimos cinco anos, a chegada de representantes de grandes importadoras e a ampliação da carta de produtos das demais lojas e restaurantes colaboraram para aguçar o paladar e a curiosidade do campineiro.

Um dos principais combustíveis dessa nova fase, o vinho teve na seção Campinas da Associação Brasileira de Sommeliers (ABS), criada em 2002, uma grande aliada na sua popularização. "Não gostamos de tratar o vinho como um produto elitista, mas, sim, como uma bebida que proporciona convívio social, conhecimento de história e geografia e que, quando consumida moderadamente, faz bem à saúde", explica Eduardo Tamburo, diretor executivo da ABS-Campinas.

Paralelamente ao aumento da procura pela bebida, aumentaram também o interesse e a sofisticação na hora da escolha. "Mais interessante do que dizer que o mercado cresceu quantitativamente é dizer que cresceu qualitativamente", afirma Leonardo Pavesi, proprietário da filial da importadora Expand, aberta em novembro de 2004. "O campineiro vem se desenvolvendo culturalmente no mercado de vinho."

A procura por cursos, palestras e degustações é um bom termômetro desse fenômeno. O curso básico de vinhos realizado pela ABS-Campinas em agosto, por exemplo, teve cerca de 100 inscritos. Mais de 800 pessoas já participaram dos cursos oferecidos pela associação. Além dela, quase todas as lojas da cidade organizam degustações e muitas realizam também palestras e encontros enogastronômicos.

Já é possível traçar o perfil do enófilo campineiro. Os vinhos tintos são os mais procurados e os rótulos argentinos e chilenos desbancam os do Velho Mundo. "O enófilo de Campinas é exigente, fiel, interessado e está ficando cada dia mais refinado", comenta Fernando Fernandes, sommelier da Tokay Vinhos Especiais.

Outra bebida que ganha espaço e adeptos na cidade é a cachaça. Ela passou a ter destaque na carta de diversos bares e restaurantes e é a atração principal nas cachaçarias na cidade, abertas, em sua maioria, nos últimos cinco anos. O trabalho dessas casas especializadas ajudou a tirar da cachaça o estigma de bebida de segunda linha, consumida apenas em botecos. "Nossa proposta é ensinar o público a apreciar a cachaça artesanal", diz Gláucia Maria Franco de Lima, proprietária de uma das três unidades da Água Doce Cachaçaria da cidade. Elevada ao status de bebida fina, não raro uma garrafa de cachaça custa mais que uma de vinho importado. É o caso da Anísio Santiago, produzida em Minas Gerais, que custa 280 reais a unidade.

A bebida, genuinamente brasileira, desperta, assim como o vinho, o interesse em seus consumidores. Mais do que apenas beber cachaça, as pessoas querem entender as etapas de sua produção e as peculiaridades de cada tipo de madeira no envelhecimento. "Muitos dos meus clientes vêm aqui para conversar sobre cachaça", comenta Gláucia. Surgem assim grupos de apreciadores que se reúnem periodicamente para trocar informações e degustar novas marcas.

ONDE COMPRAR

Adega da Cachaça
Avenida Nossa Senhora de Fátima, 84, Taquaral, 3254-0822. 8h/18h (seg. a sex.); e 8h/14h (sáb.).
Aberta em 2003, a adega, como o próprio nome indica, tem como especialidade a cachaça. A loja oferece degustação permanente de alguns dos seus mais de 600 rótulos de cachaça artesanal, em sua maioria provenientes do norte de Minas Gerais. Os preços variam de R$ 7,00 a R$ 240,00. Vende também vinhos, licores e tonéis.

Asti Vinhos
Rua Barreto Leme, 1804, Cambuí,
3252-2519. 8h/19h (seg. a sex.); e 8h/13h (sáb.).
Oferece 300 rótulos de vinhos nacionais e importados, além de cachaças e champanhes. O foco são as marcas nacionais. A novidade são os vinhos em taça, para ser degustados no local. Mensalmente, realiza degustações para seus clientes.

Balcão de Bebidas
Rua Carolina Florence, 1234, Vila Nova, 3242-6300. 9h/18h (seg. a qua.); 9h/19h (qui. e sex.); e 9h/16h (sáb.).
São mais de 800 rótulos, nacionais e importados, de uísques, aperitivos, licores, cachaças, cervejas, champanhes e vinhos. No térreo, ficam os produtos de até R$ 30,00 e, no piso superior, climatizado, os artigos mais nobres. Além das bebidas, oferece também abridores, copos e demais acessórios. A loja realiza degustação dos produtos, faz entrega em domicílio e aceita encomendas.

Empório Festa
Rua dos Alecrins, 386, Cambuí, 3253-1406. 8h30/18h (seg. a sex.); e 8h30/12h30 (sáb.). www.emporiofesta.com.br.
Representante da Jallas, empresa especializada no fornecimento de bebidas em consignação para festas e eventos, a loja vende também pequenas quantidades, direto ao consumidor. Oferece uísques, vinhos, espumantes, proseccos, vodcas e champanhes. Dispõe de consultoria para a escolha da bebida, além de realizar degustações.

Expand
Rua Maria Monteiro, 59, Cambuí, 3252-8893. 9h/20h (seg. e sáb.); e 9h/22h (ter. a sex.). www.expand.com.br.
Franquia da maior importadora de vinhos da América Latina, oferece 2 800 rótulos de dezesseis países. Um enólogo formado em Bento Gonçalves ajuda os clientes a escolher entre as mais de 9 000 garrafas disponíveis na loja e a fazer a harmonização com os pratos. A loja trabalha também com acessórios para vinho, como as taças austríacas Riedel e a nacional Strauss, e produtos do Empório Santa Maria, de São Paulo. Oferece cursos de enologia e enogastronomia, além de degustações e jantares enogastronômicos.

Grand Cru
Rua Santos Dumont, 608, Cambuí, 3251-3064. 10h/19h (seg. a sex.); e 10h/14h (sáb.). www.grandcru.com.br.
Franquia da empresa líder na Argentina na importação e distribuição dos melhores vinhos franceses e de vinícolas Premium daquele país, essa loja tem como carro-chefe os vinhos argentinos. Mas, entre os 130 rótulos disponíveis para pronta entrega e os 400 que podem ser encomendados, é possível encontrar também vinhos chilenos, franceses, italianos, portugueses, espanhóis e sul-africanos. Todos os rótulos são exclusivos e os preços variam de R$ 18,00 a R$ 191,00.

Tokay Vinhos Especiais
Alameda dos Vidoeiros, 455, lojas 1 e 2, Gramado Mall, Gramado, 3295-1994. 9h/21h (seg. a sáb.). www.tokayvinhos.com.br.
A loja é representante das importadoras Decanter, Zahil e Premium e da Enoteca Fasano. São cerca de 500 rótulos de vinho de quinze países, totalizando mais de 5 000 garrafas com preços entre R$ 21,00 e R$ 1 030,00. Conta com sommelier, que realiza o atendimento ao público, além de ministrar cursos e dar consultoria para restaurantes da cidade. Uma sugestão é o italiano Barolo, a partir de R$ 297,00. Na loja, climatizada a 19 graus, realizam-se duas degustações mensais. Oferece ainda taças e demais acessórios, além de aceitar encomendas e fazer entregas.

Wine Company
Rua Maria Monteiro, 1529, Cambuí, 3294-1570. 9h/19h (seg. a sex.); e 9h/14h (sáb.). www.winecompany.com.br.
A importadora oferece 100 rótulos exclusivos de vinho, provenientes da Argentina, do Chile, do Uruguai, da Austrália, da Espanha e de Portugal. Além do consumidor final, atende a restaurantes e lojas de todo o Brasil. A loja coloca um vinho diferente para degustação a cada dia e, às sextas-feiras, realiza uma degustação especial. Em parceria com restaurantes da cidade, realiza jantares enogastronômicos a cada dois meses. O vinho argentino Candela Legend Malbec-Merlot custa R$ 18,90. Já o também argentino Escorihuela Gascón, R$ 57,90. Trabalha ainda com acessórios para vinho.

 

DELICATESSENS

Água Doce Cachaçaria
Rua Barão Geraldo de Rezende, 187, Guanabara, 3236-7516. 17h/último cliente (ter. a sáb.). Rua Presciliana Soares, 118, Cambuí, 3251-9026. 17h/0h (seg. a qui.); e 17h30/1h30 (sex. e sáb.). Avenida Romeu Tórtima, 593, Barão Geraldo, 3289-5464. 17h/1h (ter. a sáb.). www.aguadoce.com.br.
Mais conhecido como bar, o local também vende garrafas de cachaça para quem quer saborear a bebida em casa. São cerca de 200 rótulos, em sua maioria provenientes de Minas Gerais. A cachaça Doce Trago, envelhecida em tonel de carvalho e mais suave, é uma boa sugestão e sai a R$ 25,00 a garrafa.

Casa das Índias
Avenida Governador Pedro de Toledo, 2620, Jardim IV Centenário, 3242-3018. 9h/19h (seg. a sex.); e 9h/18h (sáb.). www.casadasindias.com.br.
Trabalha apenas com vinhos importados. São cerca de 800 rótulos de dez países. Oferece ainda frios, temperos e especiarias, além de acessórios para vinho. A novidade é a Segunda sem Lei. Toda segunda-feira, das 17h às 19h, o cliente compra uma garrafa de vinho e, enquanto degusta a bebida, pode desfrutar a farta mesa com produtos da casa. Nos demais dias, a opção é comprar uma garrafa e degustá-la na companhia de uma tábua de frios.

Empório D'Gustta
Avenida Coronel Silva Telles, 246/252, Cambuí, 3254-5711. 9h/21h (seg. a sáb.); e 9h/13h (dom.). www.emporiodgustta.com.br.
Oferece mais de 700 rótulos de vinho de dez países, além de cachaças, destilados e cervejas. Duas vezes ao ano, o proprietário do empório faz viagens ao exterior para conhecer as novidades em vinhos. O cliente pode comprar uma garrafa para apreciar em uma das mesinhas do local ou participar das degustações realizadas às sextas-feiras. O empório oferece ainda acessórios para vinho, além de queijos, patês, antipastos, azeites, entre outros produtos.

Empório Gabriela
Shopping Iguatemi, 1º piso, Vila Brandina, 3255-4248. 10h/22h (seg. a sáb.); e 14h/20h (dom.). www.emporiogabriela.com.br.
Vinhos, uísques, vodcas, tequilas e cervejas são alguns dos produtos disponíveis na casa. Só de vinhos, são cerca de 100 rótulos da Itália, do Chile, da Argentina, da Espanha e da França. Além das bebidas, tem linha de acessórios para vinhos, alimentos importados e produtos a granel.

Empório Michellutti
Galleria Shopping, 1º piso, Jardim Nilópolis, 3207-4241. 10h/22h (seg. a sáb.); e 14h/20h (dom.). www.emporiomichellutti.com.br.
Aberta em 1995, é uma das mais antigas lojas do segmento de bebidas na cidade. Oferece grande variedade de vinhos, além de cervejas, uísques, licores, champanhes e cachaças. Trabalha também com taças e acessórios para vinho, chocolates, antepastos e outros produtos importados. Aos sábados, oferece degustações.

Empório Peretti
Avenida Moraes Salles, 2790, Ventura Mall, Nova Campinas, 3253-1220. 8h/0h (seg. a sáb.); e 8h/22h (dom.). Rua Coronel Quirino, 1744, Cambuí, 3295-5325. 8h/20h30 (seg. a sáb.).
Trabalha com diversos tipos de bebida, como uísque, cerveja, cachaça, licor e champanhe, mas o destaque fica por conta dos vinhos. São 200 rótulos de nove países. Oferece ainda queijos, castanhas e grãos.

Empório San Diego
Avenida Coronel Silva Telles, 610, Cambuí, 3254-1771. 10h/19h (ter. a sáb.); e 12h/19h (seg.). www.emporiosandiego.com.br.
Desde 1991, o empório vende as principais bebidas, como vinhos, uísques, espumantes e cachaças. Oferece também alimentos finos e acessórios para vinho e cozinha.

Empório Santa Verena
Alameda dos Vidoeiros, 455, Gramado Mall, Gramado, 3255-2828. 7h/22h (seg. a dom.).
O empório oferece 200 rótulos de vinho, além de vodca, uísque, conhaque, gim e aguardente. Os preços dos vinhos variam de R$ 11,00 a R$ 70,00. Trabalha também com produtos de mercearia, laticínios, frutas e verduras.

Le Petit Marché
Professor Atílio Martini, 39, Tilli Center, Barão Geraldo, 3289-1489. 9h/21h (seg. a sáb.).
A casa oferece antepastos, frios, frutas secas e grãos, mas o destaque fica por conta das bebidas. Só de vinhos são 150 rótulos, além de uísques, destilados e cervejas importadas. Oferece vinho em taça, que pode ser apreciado nas mesinhas do lado de fora da loja.

 

A maior carta de vinhos da cidade


Fotos Alexandre Schneider

A churrascaria oferece 274 rótulos de vinho, de onze países. E esse número não pára de crescer, já que novos rótulos são incorporados à adega sempre que surge alguma novidade no mercado. Com paredes de vidro e climatizada a uma temperatura média de 17 graus, a adega compõe a ambientação da casa e abriga 1 000 garrafas. Há cerca de dois anos, a Red Angus abandonou a tradicional carta de vinhos. Hoje, o cliente é convidado a ir à adega para conhecer as opções disponíveis e selecionar, com o maître da casa, Marcelo Hote, a opção que melhor acompanha o prato escolhido. O destaque da adega, segundo Hote, é o vinho italiano Barbaresco Gaya, safra de 1998, que custa R$ 1 194,90. O rótulo mais vendido é o argentino Norton Malbec, a R$ 44,55.

Red Angus Beef Churrascaria & Carnes Nobres – Rua General Osório, 2310, Cambuí, 3253-0006. www.redangusbeef.com.br.

 

Henrique Nucci

Quem é: professor dos cursos de bartender e barman do Senac e proprietário da empresa Men in Bar Bartenders

Lojas que recomenda: Balcão de Bebidas e Empório Michellutti

Por quê: "No Balcão de Bebidas você encontra diversas marcas de todos os tipos de bebida, com bons preços. A loja trabalha no atacado e no varejo, é espaçosa e oferece um bom atendimento. Já o Empório Michellutti prioriza artigos difíceis de encontrar na cidade. Tem miniaturas de garrafa, linha de copos e muitos produtos importados. Um atendente especializado ajuda a selecionar o melhor vinho para cada ocasião"

 

Antonio Raimundo Cosmo


Quem é: sommelier e maître do restaurante Barbacoa

Lojas que recomenda: Tokay Vinhos Especiais e Balcão de Bebidas

Por quê: "A Tokay trabalha com uma seleção de vinhos especiais e tem um sommelier que orienta os clientes. O Balcão de Bebidas tem uma variedade muito grande de rótulos, desde os mais acessíveis até os mais caros, em dois setores distintos da loja"

 

Marcos Antonio Atillio


Quem é: engenheiro de alimentos e dono da Cachaçaria Brasil

Lojas que recomenda: Adega da Cachaça e Wine Company

Por quê: "A Adega da Cachaça tem bom atendimento e grande variedade. Muitas vezes, quando eles não têm uma cachaça de que eu preciso, descobrem onde ela é produzida e trazem para mim. A Wine Company oferece produtos de qualidade, com ótimo custo-benefício. O atendimento das duas lojas também é muito rápido"

 
voltar