Galerias de fotos
Acidentes no Brasil
Quedas no exterior

VEJA Em Dia
Segurança nos aviões
Vôo 402 da TAM em SP
Professor Leonardo

Para saber mais
Glossário
Links
 


Cronologia de acidentes aéreos
internacionais (1976-2009)

Julho de 2009 - Aeronave da Caspian Airlines modelo Tupolev, de fabricação russa, cai no Irã e mata as 168 pessoas que estavam a bordo. O voo saiu de Teerã e tinha como destino a capital da Armênia, Yerevan.

Junho de 2009 - A310 da empresa Yemenia cai com 150 pessoas a bordo ao tentar pousar no arquipélago de Comores, no oceano Índico. Uma menina de 14 anos é a única sobrevivente.

Maio de 2009 - Um Airbus A330-200 da Air France, com 228 pessoas a bordo, desaparece quando sobrevoava o Oceano Atlântico durante o voo 447, entre o Rio de Janeiro e Paris.

Janeiro 2009 - O piloto Chesley Sullenberger faz um pouso de emergência com um avião da US Airways no rio Hudson, em Nova York. Os 155 ocupantes da aeronave sobrevivem.

Novembro 2008 - Um Learjet do Ministério do Interior mexicano seguia para o aeroporto da Cidade do México quando caiu sobre uma movimentada avenida, matando 14 pessoas, entre elas o ministro do Interior do país Juan Camilo Mouriño e outros cinco funcionários do governo.

Setembro 2008 - Uma falha na turbina direita provoca a queda do Boeing 737, na Rússia, matando 88 pessoas. O avião caiu perto dos Montes Urais. Entre as vítimas estavam sete crianças e 21 estrangeiros.

Agosto de 2008 - Vôo da Spanair, compartilhado com a empresa alemã Lufthansa, pegou fogo durante a decolagem no aeroporto de Barajas, em Madrid, deixando um saldo de 153 mortos e 19 sobreviventes. O avião ia em direção a Las Palmas, nas Ilhas Canárias. O acidente do dia 20 foi o pior desastre aéreo do país em 25 anos.

Junho de 2008 - Em meio a uma tempestade, um avião da Sudan Airlines explodiu logo após pousar em Cartum, capital do Sudão. Das 214 pessoas a bordo, 32 morreram.

Novembro de 2007 - Um avião MD 83, da empresa turca Atlasjet Airlines, caiu em uma região montanhosa do sudeste da Turquia enquanto começava os preparativos para a aterrissagem. A queda , a 12 quilômetros do Aeroporto Suleyman Demirel, em Isparta, matou todas 57 pessoas a bordo.

Setembro de 2007 - Noventa pessoas morreram após um avião da One-Two-Go Airlines, vôo 269, chocar-se contra um muro e explodir no aeroporto de Phuket, na Indonésia. Quarenta sobreviveram.

Maio de 2007 – Poucos minutos depois de decolar de Douala, na República de Camarões, sob forte tempestade, um Boeing 737 da Kenya Airways cai, vitimando todos os 114 ocupantes da aeronave.

Fevereiro de 2007 - Pouco após levantar vôo em Mérida, um avião da empresa venezuelana Santa Barbara Airlines, que ia em direção a Caracas, perdeu contato com a torre de controle e se chocou com uma montanha. Nenhuma das 46 pessoas a bordo sobreviveu.

Janeiro de 2007 – Boeing 737 da Adam Air desaparece dos radares durante vôo entre as ilhas de Java e Sulawesi, na Indonésia. Dez dias depois, destroços do avião são encontrados, confirmando o acidente, que matou as 102 pessoas a bordo. Nenhum outro destroço ou corpo foi encontrado.

Outubro de 2006 – Ignorando os avisos da torre de controle sobre as severas condições climáticas, um Boeing 737 da Aviation Development Corporation decolou do aeroporto de Abuja, na Nigéria, apenas para cair sobre um campo minutos depois, matando 96 dos 105 ocupantes do avião e mais um fazendeiro no solo.

Outubro de 2006 - Um monomotor Cirrus SR-20 bate num edifício em Manhattan, em Nova York, matando as duas pessoas que estavam a bordo da aeronave.

Agosto de 2006 - Incêndio provoca a queda de um avião Tupolev TU-154-M da Pulkovo Aviation em Donetsk, na Ucrânia, causando a morte de todos os 171 ocupantes.

Julho de 2006 - Após exceder os limites da pista de pouso do aeroporto de Irkutsk, na Rússia, um Airbus A310-324 da Sibir Airlines atinge uma área residencial, colidindo contra edifícios. Ao todo, 127 pessoas morreram no desastre.

Setembro de 2005 - Logo após decolar do aeroporto de Medan, na Indonésia, um Boeing B737-230 da Mandala Airlines cai, matando 101 ocupantes e 47 pessoas que estavam no solo.

Agosto de 2005 - Problemas nos motores causam a queda de um avião McDonnell Douglas MD-82 da West Caribbean Airways na região montanhosa de Machiques, na Venezuela. Todas as 160 pessoas a bordo morreram.

Agosto de 2005 - Queda de um Boeing B737-31S da Helios Airways na região montanhosa e árida de Grammatikos, na Grécia, causa a morte de todos os 121 ocupantes.

Fevereiro de 2005 - Pouco antes de aterrissar em Cabul, no Afeganistão, um Boeing B737-242 da Kam Air cai sobre as montanhas próximas ao aeroporto, matando todas as 104 pessoas a bordo da aeronave.

Janeiro de 2004 - Queda de um Boeing 737-3Q8 da Flash Airlines em Sharm el-Sheikh, no Egito, causa a morte de todas os 148 ocupantes.

Julho de 2003 - Queda de um Boeing 737-2J8C da Sudan Airways na cidade de Porto do Sudão, no Sudão, causa a morte de 115 pessoas a bordo. Um bebê de apenas 2 anos foi o único sobrevivente do acidente.

Março de 2003 - Um Boeing B737-2T4 da Air Algerie cai em Tamanrasset, na Algéria, matando 102 das 103 pessoas a bordo.

Maio de 2002 - Queda de um Boeing B747-209B da China Airlines no estreito de Taiwan, zona litorânea de Penghu, em Taiwan, causa a morte de todas as 225 pessoas que estavam a bordo.

Maio de 2002 - Queda de um avião McDonnell Douglas MD-82 da China Northern Airlines no Mar Amarelo, região costeira de Dalian, na China, causa a morte de todos os 112 ocupantes.

Maio de 2002 - Um avião BAC One Eleven 525FT da EAS Airlines cai logo após decolar de Kano, na Nigéria, atingindo um populoso distrito a 800 metros do aeroporto. Ao todo, 75 pessoas que estavam a bordo da aeronave morreram, além de outras 73 no solo.

Abril de 2002 - Um Boeing B767-2J6ER da Air China cai durante as manobras para pousar no aeroporto de Kimhae, em Pusan, na Coréia do Sul, matando 128 das 167 pessoas a bordo.

Novembro de 2001 - Queda de um Boeing B727-134 da TAME próximo ao topo do vulcão Cumbal, na Colômbia, mata todas as 92 pessoas a bordo da aeronave.

Novembro de 2001 - Queda de um Airbus A300B4-650R da American Airlines três minutos após decolar de Nova York, nos Estados Unidos, causa a morte de todas as 260 pessoas a bordo e de outras cinco que estavam no solo.

Outubro de 2001 - Colisão entre um avião McDonnell Douglas MC-87 da Scandinavian Airlines (SAS) e um jato comercial alemão Cessna Citation II durante manobras de decolagem em Milão, na Itália, causa a morte de 114 pessoas.

11 de setembro de 2001 - Queda de um Boeing B757-222 da United Airlines, pouco após ser seqüestrado, em Sommerset, Pensilvânia, nos Estados Unidos, causa a morte de todas as 45 pessoas a bordo.

11 de setembro de 2001 - Queda de um Boeing seqüestrado B757-223 da American Airlines sobre a sede do Departamento de Defesa dos EUA (Pentágono), localizado em Washington, causa a morte de todas as 64 pessoas a bordo e de outras 125 que estavam no solo.

11 de setembro de 2001 - Colisão de um Boeing seqüestrado B767-200 da United Airlines contra a torre sul do World Trade Center, em Manhattan, Nova York, causa a morte de todos que estavam a bordo. A torre desaba horas depois.

11 de setembro de 2001 - Colisão de um Boeing seqüestrado B767-200 da American Airlines contra a torre norte do World Trade Center, em Manhattan, Nova York, causa a morte de 157 pessoas a bordo. A torre desaba horas depois.

Julho de 2001 - Queda e posterior explosão de um avião Tupolev TU-154M da Vladivostok Avia em Burdanovka, na Rússia, causam a morte de todas as 143 pessoas a bordo.

Agosto de 2000 - Após abortar a primeira tentativa de pouso no aeroporto de Manama, no Bahrein, um Airbus A320-212 da Gulf Air perde o controle e cai, matando todas as 143 pessoas a bordo.

Julho de 2000 - Queda de um avião supersônico Aeroespacial Concorde SST da Air France pouco após decolar de Paris, na França, causa a morte de todas as 109 pessoas que estavam na aeronave e de outras 4 no solo

Abril de 2000 - Queda de um Boeing B737-200 da Air Philippines pouco antes de pousar em Davao, nas Filipinas, causa a morte de toas as 131 pessoas a bordo da aeronave.

Outubro de 1999 - Queda de um Boeing B767-366ER da EgyptAir - devido a problemas no piloto automático - em Nantucket, nos Estados Unidos, causa a morte de todas as 217 pessoas a bordo.

Dezembro de 1998 - Em sua terceira tentativa de pouso no aeroporto de Surat Thani, na Tailândia, um Airbus A310-200 da Thai International Airways cai, matando 101 das 146 pessoas a bordo.

Setembro de 1998 - Queda de um avião McDonnell Douglas MD-11 da SwissAir durante tentativa de pouso de emergência em Peggy's Cove, no Canadá, mata todas as 229 pessoas a bordo.

Dezembro de 1997 - Queda de um Boeing B737-300 da SilkAir num rio de Palembang, na Indonesia, mata todas as 104 pessoas a bordo. Investigações concluíram que o comandante derrubou o avião intencionalmente para cometer suicídio.

Setembro de 1997 - Erro da torre de comando do aeroporto de Medan, na Indonésia, causa a queda de um Airbus A300B4-220 da Garuda Indonesia e a morte de todas as 234 pessoas a bordo da aeronave.

Agosto de 1997 - Queda de um Boeing B747-300 da Korean Airlines em Agana, na ilha de Guam, causa a morte de 228 pessoas.

Novembro de 1996 - Queda de um Boeing B767-200 da Ethiopian Airlines, devido à falta de combustível, no Arquipélago de Comoros, ao norte do canal de Moçambique, causa a morte de 120 passageiros.

Novembro de 1996 - Colisão entre um Boeing 747-200 da Saudi Arabian Airlines e um avião Iiyushin no espaço aéreo indiano causa a morte de todas as 351 pessoas a bordo das duas aeronaves. Esse foi o pior choque em altitude mediana de toda a história da aviação.

Julho de 1996 - Queda de um Boeing B747-100 da Trans World Airlines logo após decolar de Nova York, nos Estados Unidos, causa a morte de todas as 230 pessoas a bordo.

Maio de 1996 - Pouco após a decolagem do Aeroporto Internacional de Miami, nos Estados Unidos, um avião Douglas DC-9-32 da ValuJet cai, matando todas as 112 pessoas a bordo.

Fevereiro de 1996 - Queda de um Boeing B757-200 da Birgenair logo após a decolagem do aeroporto de Puerto Plata, na República Dominicana, causa a morte de todas as 176 pessoas a bordo.

Dezembro de 1995 - Colisão de um Boeing B757-200 da American Airlines contra uma montanha próxima ao aeroporto de Cali, na Colômbia, mata 160 das 164 pessoas a bordo.

Setembro de 1994 - Queda de um Boeing B737-300 da USAir durante as manobras de aproximação do aeroporto de Pittsburgh, nos Estados Unidos, causa a morte de todas as 132 pessoas a bordo.

Abril de 1994 - Queda de um Airbus A300B4-622R da China Airlines durante a aproximação para pouso no aeroporto de Nagoya-Komaki, no Japão, mata 264 passageiros.

Setembro de 1992 - Queda de um Airbus A300B4-203 da Pakistan International Airlines durante as manobras de pouso no aeroporto de Katmandu, no Nepal, causa a morte de todas as 167 pessoas a bordo.

Julho de 1991 - Logo após a decolagem de Jeddah, na Arábia Saudita, um incêndio no trem de pouso de um avião Douglas DC-8-61 da Nigeria Airways espalhou-se pelo sistema elétrico da aeronave, causando sua queda e a morte de todas as 261 pessoas a bordo.

Maio de 1991 - Queda de um Boeing 767-3Z9ER da Lauda Air em Suphan Buri, na Tailândia, causa a morte de todas as 223 pessoas que estavam a bordo da aeronave.

Outubro de 1990 - 82 passageiros de um Boeing 757-200 da Xiamen Airlines morreram quando um Boeing 737 da Southwest Airlines, que havia sido seqüestrado em pleno vôo, perdeu o controle caiu sobre o 757 no aeroporto de Canton, na China. Ao menos 46 passageiros do 737 também morreram.

Fevereiro de 1990 - Queda de um avião Airbus A320-231 da Indian Airlines num campo de golfe em Bangalore, na Índia, e posterior incêndio, causam a morte de 92 das 146 pessoas a bordo.

Novembro de 1989 - Explosão de uma bomba num Boeing 727-21 da Avianca causa a queda da aeronave em Bogotá, na Colômbia. Todas as 110 pessoas que estavam a bordo, além de outras três que estavam no solo, morreram.

Setembro de 1989 - A detonação de um dispositivo explosivo dentro do compartimento de carga de um avião Douglas DC-10-30 da UTA causa a queda da aeronave em Ténéré, no Níger, e a morte de todas as 171 pessoas a bordo.

Julho de 1989 - Pouso de emergência de um avião Douglas DC-10-10 da United Air Lines em Sioux City, nos Estados Unidos, causa a morte de 112 das 296 pessoas a bordo da aeronave.

Fevereiro de 1989 - Queda de um Boeing 707-331B da Independent Air Inc durante as manobras de aproximação para pousar em Santa Maria, Portugal, mata 144 pessoas.

Dezembro de 1988 - Explosão de uma bomba por terroristas líbios dentro de um Boeing 747-121 da Pan American World Airways mata todas as 259 pessoas a bordo da aeronave. Outras 13 morrem com a queda de destroços sobre a cidade de Lockerbie, na Escócia.

Novembro de 1987 - Um Boeing 747-244B da South African AW cai no Oceano Índico após um incêndio interno provocar perda de controle. Todas 159 pessoas a bordo morreram.

Agosto de 1987 - Um avião McDonnell Douglas MD-82 da Northwest Airlines cai logo após decolar de Detroit, nos Estados Unidos, matando 154 das 155 pessoas a bordo e duas que estavam no solo. Uma garota de apenas 4 anos foi a única sobrevivente do desastre.

Dezembro de 1985 - Problemas durante a decolagem causam a queda um avião Douglas DC-8-63 da Arrow Air em Gander, no Canadá. Todas as 248 pessoas a bordo da aeronave morreram.

Agosto de 1985 - Um Boeing 747-SR46 da Japan Airlines explode após chocar-se contra o Monte Osutaka, no Japão, matando 520 das 524 pessoas a bordo.

Agosto de 1985 - Um avião Lockheed L1011-385-1 da Delta Air Lines cai devido a uma rajada de vento durante as manobras de aproximação do aeroporto de Dallas, nos Estados Unidos, matando 137 passageiros e uma pessoa que dirigia um carro atingido pelo avião.

Fevereiro de 1985 - Um Boeing 727-256 da Iberia cai em Vizcaya, na Espanha, matando todas as 148 pessoas a bordo da aeronave.

Dezembro de 1983 - Colisão entre um Boeing 727-200 da Iberia e um Douglas DC-9-32 da Aviaco durante manobras de decolagem em Madri, na Espanha, causa a morte de 93 pessoas.

Novembro de 1983 - 181 passageiros morrem na queda de um Boeing 747-283B da Avianca Colombia em Madri, na Espanha. O avião realizava as manobras de aproximação do Aeroporto Internacional de Madrid-Barajas quando o acidente aconteceu.

Setembro de 1983 - Um Boeing B747 da Korean Airlines, com 269 pessoas a bordo, é alvejado em pleno vôo por um avião de caça russo e cai no mar que circunda a região de Korsakov, ex-URSS. Ninguém sobreviveu.

Dezembro de 1981 - Queda de um avião McDonnell Douglas MD-80 da Inex Adria Aviopromet na Córsega, na França, causa a morte todas as 180 pessoas a bordo.

Agosto de 1980 - Explosão de um avião Lockheed L1011-100 Tristar da Saudi Arabian AL após pouso de emergência - provocado por um incêndio dentro da aeronave - em Riad, na Arábia Saudita, causa a morte de todas as 301 pessoas a bordo.

Novembro de 1979 - Problemas no controle de altura causam a queda do avião Douglas DC-10-30 da Air New Zealand na parte baixa do Monte Erebus, sul da Antártica, durante uma tempestade de neve. Todas as 257 pessoas a bordo morreram.

Maio de 1979 - Um avião Douglas DC-10-10 da American Airlines cai após problemas na decolagem no aeroporto americano de Chicago, matando 272 pessoas. Esse foi o pior acidente aéreo ocorrido nos Estados Unidos.

Novembro de 1978 - Rajadas de vento provocam a queda de um avião Douglas DC-8-63CF da Icelandic Airlines em Katunayake, no Sri Lanka, matando 183 das 262 pessoas a bordo.

Setembro de 1978 - Colisão entre um Boeing 727-200 da Pacific Southwest AL e um Cessna 172 - próximo ao aeroporto de San Diego, nos EUA - causa a morte de 9 tripulantes do jato e de todos as 135 pessoas a bordo do Boeing.

Novembro de 1977 - Derrapagem durante a aterrissagem de um Boeing 272-282 da TAP Portugal no aeroporto português de Funchal causa a morte de 131 pessoas.

Março de 1977 - Colisão entre um Boeing 747-121 da Pan American World Airways e um Boeing 747-206B da KLM Royal Dutch Airlines na pista do aeroporto Los Rodeos, em Tenerife, nas Ilhas Canárias espanholas, causa a morte de 583 pessoas.

Dezembro de 1976 - Queda de um Boeing 707-366C da EgyptAir sobre um complexo industrial em Bancoc, na Tailândia, mata 20 tripulantes e 72 trabalhadores que estavam no solo.

Setembro de 1976 - 176 pessoas morrem na colisão entre um avião Hawker-Siddeley Trident da British Airways e uma aeronave Douglas DC-9 da Inex Adria Aviopromet. O acidente ocorreu sobre o espaço aéreo de Zagreb, na então Iugoslávia.