Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Zé Roberto cobra reação imediata da Seleção para duelo decisivo

A derrota por 3 sets a 0 para a Coréia do Sul nos Jogos Olímpicos de Londres dificultou a situação da Seleção Brasileira de vôlei feminino no grupo B da competição. O mau resultado levou o técnico Zé Roberto Guimarães a definir o duelo contra a China como fundamental para garantir a classificação às quartas de final sem depender de outros resultados.

Com apenas uma vitória em três jogos nas Olimpíadas de Londres-2012, o Brasil pode chegar à ultima rodada da fase de grupos já sem chances de conseguir uma vaga nas quartas de final da competição caso não derrote a China nesta sexta-feira.

‘Sem dúvida, porque a China que há três quatro semanas atrás foi muito mal no Grand Prix e já mudou. Hoje fez jogo duro contra os EUA e a gente precisa tentar essa vitória contra eles de qualquer maneira para não depender de outros resultados’, respondeu o treinador quando perguntado se será necessário trabalhar o emocional para reverter a situação da Seleção.

Medalhista de ouro em Pequim-2008, a Seleção Brasileira soma apenas dois pontos em três partidas disputadas em Londres e ocupa a quinta colocação do Grupo B, ficando à frente apenas da Sérvia, que não pontuou. Os Estados Unidos aparecem na liderança da chave com nove pontos, enquanto China e Coreia do Sul somam seis, e, a Turquia, quatro.

Analisando a derrota para a Coreia do Sul, Zé Roberto criticou, em especial, o saque da Seleção. ‘A gente pecou. Eu acho que é isso, é difícil assentar nessa situação. Nosso saque, por sua vez, para a posição cinco não fez nenhum efeito e era onde nos havíamos nos baseado’, analisou.