Wimbledon: Melo vai à final nas duplas e volta ao topo do ranking

Ao lado de Lukasz Kubot, mineiro vence John Peers e Henri Kontinen para assumir liderança individual de duplistas da ATP

O brasileiro Marcelo Melo e o polonês Lukasz Kubot suaram, mas conseguiram: na manhã desta quinta-feira, a dupla venceu os até então primeiros colocados do ranking, o australiano John Peers e o finlandês Henri Kontinen, por 3 sets a 2, parciais de 6/3, 6/7 (4/7), 6/2, 4/6 e 9/7, e avançaram à final de Wimbledon. Com a vitória, o tenista mineiro voltará ao topo do ranking individual de duplistas da ATP na próxima atualização.

No encontro que definirá os campeões do Grand Slam britânico, o brasileiro e o polonês enfrentarão a parceria entre o austríaco Oliver Marach e o croata Mate Pavic, que despacharam Nikola Mektic e Franco Skugor, também por 3 sets a 2. Curiosamente, Marach foi companheiro de Kubot entre 2007 e 2011, e junto dele venceu cinco torneios ATP.

Duplas mistas – Também nesta quinta-feira, o brasileiro Bruno Soares avançou à semifinal do torneio de duplas mistas em Wimbledon. Jogando ao lado da russa Elena Vesnina, com quem foi campeão do Australian Open, em 2016, o mineiro venceu a parceria formada pelo alemão Andre Begemann e a americana Nicole Melichar por 2 sets a 0, parciais de 7/5 e 6/4. Na próxima rodada, a dupla terá pela frente o vencedor da disputa entre Rohan Bopanna/Gabriela Dabrowski e Henri Kontinen/Heather Watson.

Chave feminina – As finalistas foram definidas nesta quinta-feira. A veterana americana Venus Williams, cinco vezes campeã do torneio, derrotou a britânica Johanna Konta, número 7 do mundo, em dois sets, por 6/4, 6/2, e enfrentará na decisão a espanhola Garbiñe Muguruza, que eliminou tranquilamente a eslovaca Magdalena Rybarikova na outra semifinal, vencendo por duplo 6/1. A partida final será realizada neste sábado.

(Com Gazeta Press)